O secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, recebeu, na manhã desta terça-feira (24/03), lideranças de mais de 40 comunidades fluminenses para falar das ações voltadas à população mais pobre. Uma das propostas levantadas pelo secretário é usar navios da Marinha para abrigar a população de grupos de riscos que moram nesses locais.

“Precisamos discutir diversas medidas. Os navios é uma delas. É preciso que o movimento seja organizado e compartilhado com as diferenças esferas, envolvendo também as prefeituras de cada município e, principalmente, o governo federal”, explicou Edmar, que esteve acompanhado do assessor especial da Secretaria de estado de Turismo, Sandro Capadócia. Segundo o secretário, é importante que as 3 esferas de poder – municipal, estadual e federal – encontrem soluções para os problemas.

Nesta segunda-feira (23/03), o governador Wilson Witzel sancionou 9 projetos aprovados na semana passada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) que visam minimizar os impactos sociais e econômicos da pandemia do novo Coronavírus no estado do Rio de Janeiro. Entre os projetos está a proibição da interrupção de serviços essenciais (água, gás e energia elétrica) por falta de pagamento neste período de combate ao Covid-19.

Além disso, a concessão de bolsas de auxílio para as famílias de alunos na rede pública que estão com as aulas suspensas, além da distribuição de cestas básicas. Outro projeto de assistência social à população mais vulnerável é a concessão de uma renda – no valor de meio salário mínimo – aos empreendedores da economia popular solidária e da cultura cujos projetos estejam registrados, respectivamente, no Cadastro Nacional de Empreendimentos Econômicos Solidários e Comércio Justo (CADSOL) e na Secretaria de Estado de Cultura.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui