‘Crimes em Copacabana: Caçada ao dono da Babilônia’: livro de romance policial na Zona Sul do Rio será lançado no dia 30

Novo livro da escritora Luciana de Gnone se passa em Copacabana, nos anos 80

Orla de Copacabana, na Zona Sul do Rio - Foto: Alexandre Macieira/RCVB

No próximo dia 30 de agosto, a escritora brasiliense Luciana de Gnone lançará seu mais novo livro, um romance policial, que se passa em Copacabana, nos anos 80. Na nova obra, ambientada nos meandros da polícia civil carioca, é a vez de Iolanda Braga, inspetora da 12ª DP, caçar o bandido mais procurado da cidade após sua fuga cinematográfica.

Por ser a única mulher da corporação, Iolanda é apontada como a responsável pelo fiasco da polícia e precisa capturar o assassino o quanto antes para limpar o seu nome. Para isso, ela precisará contar com a ajuda do inspetor Carlos de Oliveira, por quem cultiva mágoas desde os tempos da Academia. 

Essa é a quinta publicação da escritora, que já se consagrou como romancista policial, cujas tramas envolvem crimes e mistérios fictícios, baseados em situações reais. A autora, que vive no Rio há 3 décadas, morou por doze anos no exterior, passando por Cazaquistão, Colômbia, México e Costa Rica.

A obra será vendida em formato e-book através do site.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui