Prefeito do Rio, Eduardo Paes, e secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz - Foto: Divulgação

Eita título chamativo, mas é pura verdade. O ex-prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republcianos), foi criticar o atual secretário municipal de saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, pela gestão durante a pandemia do Covid-19, mas foi rebatido de uma forma que deve ter voltado para as cobertas.

Tudo começou com esse tweet:

Só que Crivella não contava que Soranz fosse responder com outros dados:

O que aconteceu é que, para variar, Crivella não entendeu muito bem os números. O ano de 2020 foram 194.949 mortos por Covid-19, número ultrapassado já no final de abril de 2021.

Fora bem dado por Soranz..

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui