Crivella gastou mais com publicidade que com Carnaval

O que traz mais benefícios para a cidade do Rio, o carnaval ou propaganda falando mal do carnaval? Bem, a resposta parece óbvia, mas não o é para o prefeito Marcelo Crivella (PRB). De acordo com um levantamento do Blog do Berta, a agência de publicidade Propeg Comunicação recebeu, no ano passado, mais recursos do município do que todas as escolas de samba do Grupo Especial juntas.

<

Dados levantados pelo Blog do Berta no portal Rio Transparente mostram que a gestão de Marcelo Crivella desembolsou, em 2018, R$ 13,6 milhões somente com essa empresa de propaganda. Deste valor, a maior parte, cerca de R$ 10 milhões, saiu da Secretaria da Casa Civil. O restante ficou com a Secretaria de Ordem Pública. Já as agremiações da elite da folia carioca receberam um total de R$ 13 milhões.

Como o Diário do Rio já tinha dito no Editorial, Na falta de realizações Crivella faz campanha reclamando, e isso com o carnaval movimentando bilhões:

Em 2019, de acordo com o planejamento apresentado pelos órgãos municipais, o custo total estimado para o Carnaval Rio 2019 foi de R$ 31,4 milhões, e conta com outros investimentos permanentes, como a cessão da Cidade do Samba, sem custo, durante todo o ano, além da cobertura do custo anual de manutenção do Sambódromo. Em 2019, houve ainda uma captação de R$ 26 milhões de patrocínio, totalizando R$ 57,4 milhões de investimento no evento. Esse valor engloba além dos desfiles da LIESA, o dos outros grupos (a maioria longe de conseguir lucrar e sem tv), blocos, bailes, e a própria segurança necessária com Guardas Municipais, CET-Rio, etc. E mesmo com a Prefeitura jogando contra, o Carnaval movimentou em 2019 quase R$ 4 bilhões na economia do Rio.

Vale lembrar que apesar do programa dizer que o “o desfile das escolas de samba custa para a prefeitura R$ 70 milhões”, o repasse em 2019 para a LIESA foi de apenas R$ 7 milhões. Mas Ruben Berta detona em seu texto, e ressalta que só a Propeg recebeu até este mês R$ 3,6 milhões. A outra agência de publicidade do município, a Binder, já foi contemplada com R$ 6,8 milhões. Ou seja, somente nos cinco primeiros meses do ano, já foram gastos R$ 10,4 milhões com propaganda na gestão Crivella.

E sobre o gasto total, Berta analisou os dados do Rio Transparente e disse que na rubrica “Projeto Carnaval” recebeu este ano R$ 17 milhões, valor que inclui, além do repasse às escolas de samba, custos adicionais com marketing, serviços gráficos, conservação de vias urbanas, entre outros.

Ou seja, se Crivella está preocupado mesmo com os 200 mil funcionários e aposentados, além de 650 mil crianças, era só cortar o investimento em publicidade.

1 COMENTÁRIO

  1. Mas vou concordar com ele no assunto gastos da Prefeitura com o Carnaval.

    Deve-se urgentemente rever o aporte de recursos da Prefeitura para as escolas de samba.
    Para os blocos ainda vai… Mas as escolas de samba deveriam fazer seus desfiles com os recursos gerados por elas próprias, com royalties e imagem e das cotas vendidas etc.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here