Dani Monteiro: Contando corpos na Vila Cruzeiro e onde mais?

Deputada Estadual do PSOL, Dani Monteiro comenta a operação policial desta semana que deixou 25 mortos no Complexo do Alemão

Viatura da Polícia Civil nos arredores da Vila Cruzeiro, na Penha, Zona Norte do Rio
Viatura da Polícia Civil nos arredores da Vila Cruzeiro, na Penha, Zona Norte do Rio - Foto: Fabiano Rocha/Agência O Globo

Os telefones da equipe da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da Alerj começaram a receber mensagens ainda de madrugada. Às dez da manhã, já eram 11, às três da tarde, eram 17, no fim do dia, já passavam de 20. Não estou falando de mensagens, mas sim dos corpos que contamos ao longo deste último 24 de maio. Em plena terça-feira, dia de trabalho, os moradores da Vila Cruzeiro, Zona Norte do Rio, enfrentaram com desespero as rajadas de balas disparadas durante operação policial que resultou como a segunda mais letal da história do Rio de Janeiro. As polícias envolvidas asseguram que o objetivo era meramente prender chefes de facção criminosa que estariam escondidos na região. Atiraram e acertaram, sem clemência, inclusive em quem não tinha nada a ver com a história. São 25 mortos, se a conta parar por aí.

Números e datas, aqui, importam. Há menos de três semanas, no dia 6 de maio, fez um ano da chacina do Jacarezinho, aquela em que morreram 28 pessoas, um policial entre elas. As famílias sequer superaram o luto, os esclarecimentos sobre tantas mortes não foram convincentes e já estamos novamente diante de uma matança sem justificativa, porque não há.

O Brasil não tem pena de morte, mas é preciso que falemos à exaustão para que todos se convençam. O Brasil tem leis e ritos que incluem a presunção de inocência até que se prove o contrário. Para isso existem os inquéritos e os julgamentos. Execução é outra coisa.

Como no caso do Jacarezinho, a ação no Complexo da Penha se deu sob vigência da ADFP 635 (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental), que suspendeu as operações policiais no estado do Rio de Janeiro durante a pandemia de Covid-19. Na mesma leva, o Supremo Tribunal Federal (STF) também determinou ao governo do Rio de Janeiro a elaboração de um plano de redução da letalidade policial em operações no estado. Parece que o governador não entendeu. Ou pode ser apenas vil.

O fato é que as consequências da política que manda matar sem perguntar podem vir para todos. A nós, resta perguntar: até quando vamos suportar nossos vizinhos carregando tamanha dor? Até quando, aos pobres e favelados, não restarão sequer migalhas de dignidade?

Advertisement

38 COMENTÁRIOS

  1. Dani monteiro ponha a mão na sua consciência, você não é oprimida por fuzileiros em horário integral vendendo e tramando crimes na porta do seu apartamento ou casa, são os pobres e favelados como você escreveu em sua reportagem ,aliás você não estava lá na hora do tiroteio então nem reportagem é. Julgar é fácil atrás da mesa do computador

  2. Parabéns aos policiais, que tenha cada vez mais operações como essa!
    Deputada faz o seguinte, vai nas favelas e doa seus salários e regalias para os favelados!
    Sou de comunidade também, só que graças a Deus preferi ganhar dinheiro suado do que mole!
    Se o Brasil está na merda que está é graças aos partidos de esquerda e principalmente por conta do ladrão de 9 dedos e sua corja maldita!!!
    Tá com pena, vai no presídio e leva um cado de criminoso pra casa!!!

  3. Psol nunca vai defender a família, o trabalhador e a polícia, temos que votar em candidatos que é a favor dos cidadãos de bem pagadores de impostos.

  4. Parabéns aos policiais pela limpa na região, ações como essa precisam ser feitas toda semana nas favelas do RJ em conjunto com uma boa repreensão dos usuários da zona sul, dos artistas, dos coniventes do PSOL. Bunker de bandido tem que ser invadido, se meteu bala na polícia tem que receber de volta . Morador é conivente demais com a vagabundagem porque com ajuda deles não precisa pagar por muita coisa ou pega bem mais barato. Sei muito bem porque cresci nestes buracos de favela e perdi muitos amigos de infância que preferiram morrer pra andar com tênis da Nike do que ficar como eu, estudando. Há muita vantagem imediata em ser favelado mas a longo prazo, é desgraça na certa.

  5. Eu acho interessante que só tem direito humanos para bandido ,traficantes mas para o trabalhador o pai de família que passam pela mão desses monstros não tem. Aquela senhora que foi arrastada pelos bandidos no carro, cadê os direitos humanos para ela.

  6. Já que predomina aqui nos comentários de uma única pessoa uma visão de profunda falta de empatia para com a vida e se alimenta de ódio, devo fazer uma outra narrativa. Não há inteligência na polícia e sabe por que? Porque o propósito desta nefasta corporação é uma política de morte. Uma política racista que impõe o medo e está longe de combater o tráfico de drogas e de armas, pois se essa mesma PM quisesse combater esses crimes, deveria fazer operação similar no Alto Leblon, nos condomínios da Barra, que é onde moram os verdadeiros criminosos. Esse governador que aí está tem suas digitais em 182 mortes por chacinas, é pau mandado de um sujeito demoníaco e miliciano que hoje ocupa a presidência da res-publica. Quem defende tortura e chacina não deveria se auto declarar cidadão de bem, pois está longe de ser.

    • Minha senhora. Boa tarde! Quem tem profunda falta de empatia para com a vida são esses bandidos que atiram num pai de família, num cidadão de bem sem a mínima consciência ou remorso de que está devastando uma família inteira. Portanto, não venha a senhora culpar a polícia ou o estado por falta de inteligência pq pelo que parece , a falta de inteligência tá em quem acha q a polícia que é recebida a bala em comunidade tem que revidar com flores. Caso a senhora ou um dos seus estivesse no meio dessa guerra, tivesse (Deus os livre e guarde) passado por todo tipo de terror em um assalto ou coisa similar, com ctz a senhora agradeceria à polícia por neutralizar esse tipo de gente e evitar que fizessem mais vítimas por aí. Passar bem!!!

  7. Na verdade ninguém aguenta mais tanta violência e entre meus amigos filhos mães e pais de todo o Rio de janeiro que morram todos esses que matam sem a menor pena!!!bala neles!

  8. Boa tarde,pq vcs da esquerda demonização tanto as polícias? Traficantes ultra armados drogados e sem qualquer limite moral e social atiram pra matar e vc quer que a policia faça o q? Corram? A policia trabalha com inteligência pra prender e tirar armas e drogas das ruas mas como fazer isso sem dar um tiro? Como prender 100,200 homens armados ate os dentes? Vcs da esquerda gostam de pré julgar a policia e minimizar as ações do tráfico, vcs só falam que a policia é despreparada e comete chacinas que so sabem matar preto e pobre e o tráfico o que faz? Como ter paz com traficantes subjulgando e usando morador como escudo? E o mal são as ações da policia? Em que mundo vcs vivem? Vcs querem uma utopia inimaginável,estamos nessa situação tbm por culpa da esquerda cujo ajudou a fundar o CV , será um dos motivos de tamanho ódio da policia? Temos corrupção temos , políticos e policiais sujos estes merecem ser extirpardos! Pobre e favelado merece viver em paz e ser respeitado e enquanto existir corrupção, drogas, leis falhas ,trafico e milícia isso nunca vai acontecer

  9. Eu queria ver, pois em toda minha vida nunca vi, um comentário da comissão de direitos humanos sobre alguém que sofreu de bandido.
    Será que esse tal de direito humano é só para bandido?

  10. Porque será que comunista defende traficante, bandido e tudo que não presta, hein?…
    Resposta: são farinha do mesmo saco, rotos da mesma espécie, vermes idênticos!.

  11. Se todos q morreram sao vagabundos, tá ótimo, bandido não tem pena de ninguém e nem recuperação, só matando mesmo. Nessa história só não pode morrer o cidadão de bem.

    • Isso mesmoo será que a mocinha Dani monteiro não viu os fuzil. Tá bem ela NN viu né. Ms os áudios na qual eles falavam trocando tiro com os polícias ou seja daninha eles estavam atirando linda na polícia aí qual sua sugestão? Levar rosas ou levar você para a operação de repente com vc os bandidos se rendem né?!!!!pq é tão boazinha com eles né linda

  12. O Dani, deixa de ser muquirana, e hipócrita, vai na favela, na comunidade, no morro e pede para os teus pupilos diminuírem a letalidade criminosa. Quem defende bandido, bandido é. O Dani, procura uma louça pra lavar, é pra isso que VC se elegeu? Para defender criminosos e ser contra a população de bem. Outra coisa, tome vergonha nessa cara de pau.

  13. Boa tarde, deputada!

    A população carioca não considera um erro essa operação. A população aplaudi a polícia por ter neutralizado essas pessoas que só aterrorizam a população de bem. Ninguém mais aguenta tanto roubo, furto, estupro, latrocínio, extorsão, sequestro e muitos outros crimes que esses marginais praticam. Infelizmente, ainda existem pessoas que defendem esse tipo de gente. Eu perdi dois amigos em dois anos para esses marginais. Um foi a tiros durante um assalto na serra da Grajau-Jacarepaguá e o outro foi furtado no bloco de carnaval que, no calor do momento, tentou reagir e teve sua garganta cortada com uma garrafa quebrada, o que o levou à morte. Esses marginais fazem isso por causa de pessoas iguais à senhora que os defendem porque são vistos como vítima da sociedade. Vítimas somos nós que temos que viver presos dentro de casa porque temos medo de andarmos na rua e sermos assaltados e mortos. Desse modo, ninguém apoia esta matéria, porque a sociedade de bem quer ver bandido, marginal e traficante presos, mas, se atentar contra a vida do policial, queremos vê-los mortos. Fica minha indignação em relação à sua opinião, pois demonstra que seu compromisso está longe de ser a defesa da população de bem. Espero que, nas próximas eleições, as pessoas que votaram na senhora coloquem a mão na consciência e reparem que atitudes iguais à sua só piora a segurança no Rio de Janeiro. Além disso, vale ressaltar que a polícia dá a oportunidade para o bandido se entregar e ser preso como determina a lei, no entanto a mesma lei autoriza o policial e qualquer do povo a agir em legítima defesa repelindo um perigo atual ou iminente utilizando-se dos meios necessários, a saber, se o bandido está armado, o policial já se encontra em perigo e pode neutralizá-lo utilizando uma arma de fogo, pois esse é o meio necessário para parar o marginal, que está em poder de um AK-47, uma pistola, granadas e coletes à prova de balas. Por isso, esses heróis, que são os polícias, são absolvidos perante o tribunal do júri, como aconteceu no caso da Nova Brasília. Fazer política com uma coisa séria dessa não é legal, deputada. Seja aquilo de que o Rio de Janeiro e o Brasil precisam. Só teme a polícia as pessoas que andam errado na rua. A população de bem agradece à policia por mais uma operação excelente.

  14. Não li mais essa está defendendo bandidos, quando passar por um assalto não esqueça de falar que e a favor dessas pessoas !! De repente seja agraciada com um tiro.

  15. Dani vai estudar e trabalhar ao invés de querer se promover as custas de uma justiça ineficiente, leis falhas e uma polícia que faz o que pode para não virar o caus total, pra dentro deles BOP

  16. Na verdade essas pessoas se aproveitam do sofrimento dos menos favorecidos aparecendo sempre nesses momentos esses defensores dos direitos humanos, os bandidos que estão ali na vida do crime por espontânea vontade são cruéis e implacáveis, não devemos achar normal alguém circular com um fuzil impondo suas próprias leis

  17. Que tipo de pessoas pode defender um bandido?!? Que estupra, rouba, assassina, acaba com famílias pela droga que vende… que tipo de pessoa?!? Aconselho essa nobre defensora em entrar na comunidade e solicitar que os mesmos entreguem suas armas, mas sem seguranças como todo psolista zona sul curte ter, apenas com sua palavra humanista… qual seria a resposta?!?

  18. Os chefes das maiores facções do RJ e outros estados estavam nessa região vivendo em utopia . A polícia judiciária do Estado apresenta todo um trabalho de inteligência e investigações em conjunto com as polícias de esfera federal, recebe ordens de busca e apreensão dos meliantes e óbvio, são recebidos a tiros. Tem q esperar a munição do bandido acabar ou o estado tem q revidar pra cumprir o mandado? Vai ter confronto, óbvio!! Aí quando morrem os “meninos” com passagens por roubo, furto, homicídios, feminicidios, com fotos plantando de fuzil (Comprovado até nas redes sociais deles) e que matam o trabalhador por causa de um carro ou um celular, matam um pai q pede pra abaixar o som pq o filho precisa dormir, matam um cidadão que entra numa comunidade por engano, o telefone da comissão não toca!! Curioso , não? Contabilizem tbm as pessoas vítimas de latrocínios e policiais de serviço e folga assassinados no RJ… A conta vai ser bem maior que 28/24 hein! E não é tachado de chacina não! Comissão seletiva essa! 13 fuzis de guerra e pistolas estavam de enfeite lá…

  19. Os meninos inocentes e trabalhadores foram tratados como tratam os outros. Que hipocrisia essas matérias que tratam marginais como vitimas, e as verdadeiras vitimas são ignoradas.

  20. “PIÇOL” não é, ou representa, o LIXO da sociedade….
    “PIÇOL” É O CHORUME !!!!
    Sabe, aquele líquido que escorre do caminhão de lixo ???? Isso é o “PIÇOL”…
    NUNCA pelo que é bom. De bom grado, de bom costume, licito… NÃO!
    São defensores de BANDIDOS, de viciados, de latrocidas, de estupradores, de tudo que é sórdido, imoral, nojento, asqueroso, odioso, ilegal e por aí vai …
    Me admira esse lixo, essa escória ter espaço aqui… simplesmente espantoso, ver uma fala desse lixo aqui !

  21. Como deixam uma pessoa escrever tanta asneira com total parcialidade num jornal? Lamentável!!!! Escreve como se os policiais fossem executores cruéis… tá de sacanagem. Eu vi a listagem dos mortos, só bom moço né? Só vi VAGABUNDO!!!! Que matam e ninguém faz contagem de corpos das verdadeiras vítimas. A polícia vai a um local é recebida por tiros de fuzil e tem que ficar quieta??! !! Não dá pra acreditar nesses defensores de Bandidos!!!

  22. Tinha que ser deputada do PSOL pra defender. Perdeu eleitor?
    A polícia é recebida a tiros e a deputada quer que respondam com lanternas? Quem sabe com livros?
    A polícia matou pouco! Dá pra dobrar a meta!
    Assim a comunidade fica livre de vagabundo, que alicia menor. Que perturba com baile funk berrando, e não deixa o morador dormir! Tem gente que chega do trabalho e só quer dormir, mas o baile funk tá berrando. Tem idoso, tem criança, tem gente doente, é funk rolando até de manhã! Fora os tiros à toa, o falatório, a bebedeira, o montão de pessoas drogadas… Vocês vivem da desgraça alheia! Não fazem nada pra agradar. São os primeiros a votarem contra punir mais. Depois ficam dizendo apoiar às vítimas.
    Morreu bandido? Ótimo! Menos um pra matar, roubar, traficar, estuprar e sustentar na cadeia, pois o preso come melhor que muita criança! Até Toddynho eles recebem! Tem criança que nem isso tem em casa, e o preso tá lá comendo bem. Por isso fica todo mundo gordo qdo tá na cadeia.
    Vai defender bandido na tua casa! Pago seu salário pra vc trabalhar, e não pra defender bandido. A polícia apreendeu diversos fuzis, e vem vc defender? Ah, vá!
    Conheço um PM que perdeu quase a perna toda, acho que nessa mesma favela, pois a guarnição foi recebida com uma granada. Uma granada!! Arma de guerra, em pleno Rio de janeiro. Tá lá sem a perna até hoje. Vcs do PSOL fizeram alguma visita? A comissão dos direitos humanos fizeram alguma visita? Duvido!
    Conheço outro que está cego e perdeu o olfato. Fizeram visita?
    Gente hipócrita! Vocês gostam do caos. Vcs defendem os errados.
    Que vontade de falar certas coisas… Deixa quieto. Hipocrisia!

  23. Só uma pergunta.
    Porquê não vejo o mesmo alarde sobre a mulher que foi baleada junto com o filho na Vila Kennedy?
    E o policial baleado?
    A vida deles não são importantes?
    Outra coisa, só acontece troca de tiros, baleados e mortos porque os traficantes aturam na polícia e eles consequentemente revidam, a solução é simples, quando a polícia entrar na comunidade, eles se rendem, daí vai haver a investigação e poderá fazer valer a presunção da inocência e quem for verdadeiramente inocente, será solto e viverá feliz para sempre.
    Não estou defendendo um lado e nem o outro, mas se é para fazer valer direitos, tem que ser igualmente para todos, pois assim diz a nossa Carta Magna e, infelizmente, nesse país de podridão, não vejo isso acontecer por parte das mídias, ONGs, associações, etc.

    • Temos que juntar nos e pedir a extinção do PSOL, esse partido só tem trazido a ruína pra cidade, são os fascistas verdadeiros. Paulista bom é calado. Todo psolista é um grande fascista, hipócrita, vagabundo.

  24. Se contabiliza os corpos das pessoas que os traficantes matam para defender seus territórios?
    Se contabiliza os corpos de famílias destruídas que esses contabilizados na Vila Cruzeiro mataram?
    E os corpos dos trabalhadores que esses traficantes mataram, foram contabilizados?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui