Degustação Del Plin - Foto: Bruno de LIma

Como disse essa semana, o VillageMall tem se solidificado como um dos principais centros gastronômicos do Rio, com a abertura de várias novas casas, como é o caso do futuro Sal de Henrique Fogaça no Rio, e o restaurante de culinária franco-italiana, Del Plin, que promete trazer o melhor de Piemonte, região italiana fronteiriça com a França, para o Rio e tem no comando o restaurateur Juscelino Pereira, e o chef Marcelo Martino.

Com o nome do prato mais clássico da cozinha de Piemonte, Del Plin, um ravioli recheado. Na origem da palavra, Plin vem de pizzicari, que quer dizer “beliscar” e remete ao modo como é feita a massa, uma vez que para fechá-la é necessário dar “beliscões” para chegar ao formato ideal.

Salada de aboboras_Foto Bruno de Lima

O Del Plin é a nova empreitada do restaurateur Juscelino Pereira e seus sócios Walter Rossi, Marcelo Martino e Renata Russo, do grupo Hervilha. No ramo da gastronomia, Juscelino já tem uma vasta experiência. Com passagens por casas renomadas de São Paulo, o restaurater atuou por 12 anos no grupo Fasano para, finalmente, abrir sua primeira casa, o Piselli, em São Paulo. Apaixonado incansável do Piemonte, ele aposta que a nova empreitada em terras cariocas vai unir o melhor da culinária francesa e italiana.

O Del Plin é um restaurante para todos os momentos. Seja para um almoço, happy hour ou jantar, a casa está pronta para receber o público e fazê-lo acreditar que está no Piemonte ao degustar produtos frescos e totalmente artesanais“, afirma Juscelino Pereira.

Tagliatelle al pesto_Foto Bruno de Lima

No cotidiano do restaurante, estará o sócio operador André Galvão, com vasta experiência no ramo de hospitalidade, onde passou pelo tradicional Copacabana Palace e pelo restaurante Pobre Juan. Além disso, André também responde como sommelier do Del Plin. Para a nova casa, escolheu criteriosamente cada rótulo da carta, uma vez que o que Piemonte também é conhecido por ser a terra dos vinhos mais nobres da Itália. A cozinha, por sua vez, vai ser comandada pelo chef Marcelo Martino, que possui uma longa trajetória em cozinhas de alta gastronomia ao redor do mundo, como Maní, Rocca Moo, D.O.M e Ristorantino.

À mesa, a culinária italiana se destaca. Como em qualquer vilarejo, é impossível ignorar os antepastos. A Burrata e Pomodori (R$49) e o Carpaccio de Polvo (R$52), fresco e saboroso, são algumas opções. Na seção de pratos principais, as massas italianas, preparadas artesanalmente na própria casa são as peças-chave: Papardelle Ossobuco (R$72), Picci e Polipo (R$78) e, o carro-chefe da casa, Raviolis Del Plin (R$35), que podem ser servidos em três diferentes sabores e pequenas porções, como o Clássico – carne com molho roti e timo limone; Francia (R$ 37) – brie com pêra, manteiga de ervas e nozes torradas; e Zucca (R$39) – abóbora, manteiga e mel de trufa. O comensal ainda poderá realizar a Degustazione del Plin, com os três sabores (R$79).

Já o toque francês é facilmente reconhecido na seleção de clássicos da gastronomia, como a Terrine de foie gras (R$79), o Coq au Vin Organico (R$76), com seu molho encorpado em função do longo cozimento, o clássico Steak Tartare (R$58) e do Confit de Canard (R$ 96).

Na carta de drinques da casa, que tem como consultor o mixologista Rafael Pizanti, os clássicos têm destaque, a exemplo do Campari Milano (campari, flor de sabugueiro, prosecco e hortelã) e do Averna Espresso (café espresso, averna, baunilha e bitter de chocolate), ambos R$ 33.

Na seção “autorais”, três versões de Gin Tônica prometem fazer sucesso. O G&T Cello (gim, água tônica, limoncello, limão siciliano e manjericão) e o G&T Del Plin (gin, água tônica, grapefruit desidratado e bitter de grapefruit) são exemplos (R$ 37). Elegante e refrescante, o digestivo Sgroppino Al Limone é preparado com sorbet de limão siciliano, processo e vodka (R$ 29).

Para os clientes que buscam refeições mais rápidas ou opções de happy hour, o cliente poderá desfrutar de uma versão do clássico Croque Madame (R$39), que por lá ganha a companhia do presunto de Parma, mas sem esquecer o ovo com gema mole feito no pão brioche e gratinado com molho bechamel. Encerre a experiência no Del Plin com as sobremesas, um clássico de cada país são as sugestões. Da França, o Crème Brûlée (R$26). Já da Itália, o Tiramissù (R$26).

Del Plin Ambiente_Foto Bruno de Lima

A arquitetura do restaurante foi elaborada por Patrícia Anastassiadis e Priscila Payá, do escritório paulista Anastassiadis,. A leveza e elegância do cardápio estão em todo o projeto arquitetônico, em que o branco e a mobília em madeira clara predominam.

Serviço – Del Plin
Avenida das Américas, 3900 – Piso L1 – Barra da Tijuca
(21) 3252-2806
Segunda a quinta, das 12h às 23h. Sexta e sábado, das 12h às 0h. Domingo de 12h às 22h

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui