Deputados aprovam liberação do uso de máscaras em academias do RJ; decisão final será de Cláudio Castro

Projeto de lei vale também para centros de treinamento e condicionamento físico em geral, piscinas e pistas de patinação

Imagem meramente ilustrativa - Foto: Reprodução/Internet

Na última quarta-feira (15/12), a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, em debate único, um projeto de lei, de autoria do deputado Átila Nunes (MDB), que anula a obrigatoriedade da utilização de máscaras de proteção facial em ambientes esportivos em todo o estado. Agora, a medida vai para avaliação do governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias para sancioná-la ou vetá-la.

Vale ressaltar que, entre os espaços contemplados com a decisão, estão, por exemplo, academias de ginástica, centros de treinamento e condicionamento físico em geral, piscinas, pistas de patinação e ginásios.

É importante destacar, no entanto, que tal condição, isto é, não usar máscara nesses tipos de ambientes, está diretamente condicionada à comprovação do ciclo completo de vacinação contra a Covid-19. Além disso, caso haja discordância entre decretos municipais e o estadual, prevalece o que for mais rígido.

Vale lembrar que, no último dia 02/12, a Prefeitura do Rio havia flexibilizado o uso de máscaras em academias da cidade, mas essa determinação nunca entrou em vigor pois um decreto do governo fluminense exigia a proteção em todos os estabelecimentos fechados no estado.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui