Imagem de Wokandapix por Pixabay

Os deputados estaduais André Ceciliano (PT), Dr. Serginho (PSL) e Rodrigo Bacellar (Solidariedade) apresentaram, na Alerj, Projeto de Lei obrigando as instituições de ensino fundamental e médio da rede privada do Estado do Rio de Janeiro obrigadas a reduzirem a suas mensalidades em, no mínimo, 30% (trinta por cento) durante o período que durar o plano de contingência do novo Coronavírus da Secretaria de Estado de Saúde.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

O desconto, entretanto não se aplicaria ao período de férias escolares. Já as escolas que não entram de férias, como creches, internatos entre outras, terão de aplicar o desconto integral. A medida também prevê o desconto para as unidades de ensino superior da rede privada que adotem aulas presenciais.

Na justificativa, os deputados dizem que ” as instituições de ensino estão com as despesas reduzidas com itens como a manutenção do espaço, água, energia e alimentação de seus funcionários e alunos (que estudavam em período integral) por estarem suspensas as atividades presenciais, é justo que os estudantes e/ou seus responsáveis financeiros, que também tiveram seus rendimentos afetados, tenham a sua mensalidade reduzida

Caso a lei seja aprovada e sancionada pelo governador, as unidades de ensino que descumprirem a lei poderão ser multadas. O desconto terminará assim que for cancelada a quarentena e liberado o retorno às aulas.

7 COMENTÁRIOS

  1. Meu filho estuda na rede privada eu não trabalho e meu esposo e autonomo esta em casa de quarentena eu tenho direito de pedir disconto na mensalidade escolar do meu filho..pois sei que nao vou conserguir pagar total pois tenho outras contas que tamvem vou negociar?

  2. Ao professor aí deixo minha resposta para vc!!!!! COMO FICA AS NOSSAS CONTAS TBM SR? TENDO EM VISTA QUE NOSSOS AALARIOS ESTÃO CORTADOS NO MEIO!!!!! 2 PESOS E DUAS MEDIDAS!!!

  3. Eu sou professor da rede particular,

    Meu IPVA vai ter desconto?
    Meu mercado vai ter desconto?
    Minha gasolina vai ter desconto?
    Minha luz vai ter desconto?
    Meu aluguel vai ter desconto?
    Minha internet vai ter desconto?

    Mas o meu salário vai ter…..

    • Vejo muita bobagem, cada um olhando para seu umbigo e perdendo o sendo crítico. Inclusive professores falando bobagem quando ninguém pediu que reduzissem seus salários. Nos casos de creche ou alguns colégios infantis, deixam de existir as despesas com a alimentação das crianças, diminui drasticamente agua e luz, reduz ou zera o vale transporte dentre outras despesas. O que se pleiteia não é fazer caridade com o lucro alheio, é repassar esta redução dos custos para os pais que sobretudo também tiveram suas rendas afetadas, mas neste caso específico e neste setor especifico haverá uma redução de custo que poderia (e deveria) ser repassada aos contratantes dos serviços que já tinham estes valores embutidos em seus custos.

    • Deixa de ser idiota cara, é vc que paga a luz e água do colégio… somos os pais que pagamos tudo do colégio inclusive o seu salário, a escola não ta agando alguns recursos pois não está dando aula, logo esses valores devem voltar para o bolso de quem paga a conta ou seja os pais. DEIXA DE SER IDIOTA E LEIA A PROPOSTA ANTES DE FALAR BOBAGEM. SERÁ QUE ÉS PROFESSOR MESMO ???

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui