Festa em Duque de Caxias / Reprodução: jornal O DIa

Apesar de o Brasil ter atingido a catastrófica cifra de 500 mil mortes por Covid-19, muita gente não está se importando com o sofrimento de tantos doentes e familiares. Na manhã deste domingo, 20/06, uma festa era promovida em um sítio em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A propriedade que fica no km 53 no Arco Metropolitano, foi denunciado por pessoas que passavam pela região. O evento foi registrado em vídeo que mostra o local com tendas montadas, música alta e estacionamento lotado. A organização da festa é reincidente na transgressão contra as regras da salubridade pandêmica.

Desde a semana passada circulam imagens do esquema de organização do evento nas redes sociais para driblar a fiscalização. Com direito a fretamento de ônibus, os participantes eram pegos em Ipanema, na Zona Sul, e levados até Saracuruna, em Duque de Caxias. O endereço da festa só foi divulgado no dia, para tentar impedir possíveis ações dos órgãos públicos.

A Polícia Militar, através de nota, informou que a corporação atua com apoio de órgãos fiscalizadores quando os eventos clandestinos acontecem em perímetro urbano enviando viaturas.

“Os policiais vêm realizando um árduo trabalho de orientação à população e atuando em apoio aos órgãos municipais e fiscalizadores em suas respectivas atribuições quanto às medidas de combate ao coronavírus. Além do tumulto e som alto, vale ressaltar que festas e aglomeração de pessoas estão proibidas de acontecerem em todo o território estadual. Ademais há uma responsabilidade social em questão e não apenas o cumprimento de um decreto”, ressaltou a instituição.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui