Logo depois de ter feito o post sobre os atuais pré-candidatos a Prefeito do Rio em 2008, o pré-candidato pelo PT, Edson Santos, foi convidado para ser Ministro da Igualdade Social, desta forma deixando apenas Molon, Benedita e Wladimir Palmeira como candidato.

Apesar de dizerem que a candidatura de Santos dificultava uma improvável aliança PMDB/PT no Rio de Janeiro, não chega a ser verdade, o atual ministro é conhecido por aceitar as decisões do partido. Era bem possível que uma candidatura para prefeito dele seria apenas para alimentar em votos uma provável candidatura em 2010 para senador, que também pode ser melhor pavimentada em um ministério em Brasília.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui