Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira (11/12), foram definidos os três nomes que vão compor a lista tríplice para o cargo de procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, chefe do Ministério Público estadual. Eles são Luciano Mattos, Leila Costa e Virgílio Stravidis.

Com a definição da lista, cabe agora ao governador em exercício, Cláudio Castro, escolher quem será o novo procurador-geral. O novo procurador-geral de Justiça tomará posse no cargo em sessão no Órgão Especial do Colégio de Procuradores de Justiça, prevista para acontecer no dia 15 de janeiro 2021, e cumprirá um mandato de dois anos, entre 15 de janeiro de 2021 e 14 de janeiro de 2023.

O atual procurador geral de Justiça é Eduardo Gussem, que está à frente do MPRJ desde 2017 e foi reeleito em 2018 com mais de 93% dos votos.

Luciano Mattos, que foi o mais votado, é integrante do MPRJ desde 1995, atualmente lotado na Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Meio Ambiente do Núcleo Niterói. Leila Costa é integrante do MPRJ desde 1989, atualmente lotada na 3ª Procuradoria de Justiça da Infância e da Juventude Infracional. E Virgílio Stravidis é integrante do MPRJ desde 1993, atualmente lotado na 9ª Promotoria de Justiça de Fazenda Pública da Capital.

Confira quem foram os candidatos e quantos votos cada um recebeu:

  • Luciano Mattos – 546
  • Leila Costa – 501
  • Virgílio Stravidis – 427
  • Marcelo Rocha Monteiro – 143
  • Ertulei Laureano – 93
  • Nulos – 2
  • Brancos – 2

1 COMENTÁRIO

  1. Infere-se dia números apresentados que desses Promotores e Procuradores que votaram, 143 são fanáticos bolsonaristas…
    Por que? Quem deu voto para o quarto colocado (preferido do Bolsonaro) sabe disso. E queria um MPRJ submisso ao Governo Federal…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui