Foto Cleomir Tavares / Diario do Rio

A Trilha do Patrimônio apresenta os principais monumentos e 5 sítios arqueológicos que contam a história bicentenária da instituição. No evento, do dia 13/06, também será inaugurada uma exposição sobre a Trilha. A cerimônia está marcada para às 10h, e contará com a presença da presidente do JBRJ, Ana Lúcia Santoro, e autoridades.

O evento faz parte do calendário do 27º Congresso Mundial de Arquitetos (UIA-RIO 2021), e representa um marco para a promoção da importância histórico-cultural do JBRJ, instituto de pesquisas referência nacional para o estudo e conservação da flora e importante ponto turístico do Rio de Janeiro, que recebe mais de 500 mil visitantes anualmente. Promovido pela União Internacional de Arquitetos (UIA) desde 1948, o congresso ocorre pela primeira vez no Brasil e é o maior evento mundial de arquitetura e urbanismo do mundo.

A Trilha do Patrimônio é composta por 11 pontos – 10 localizados no arboreto e 1, o Solar da Imperatriz, no Horto -, que contribuíram para a formação do Jardim Botânico ao longo de 445 anos. O ponto de partida é o prédio mais antigo da Zona Sul do Rio, onde hoje funciona o Centro de Visitantes do JBRJ, construído em 1576, ou seja, 232 anos antes da data de fundação do Jardim, em 1808.

Link para agendamento de visitas ao JBRJ.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Babi Wentz
carioca, estudante de Letras na UFRJ. Nascida numa segunda-feira de carnaval, se apaixonou muito cedo pela arte das Escolas de Samba. Moradora da Taquara, é Zona Oeste desde os onze anos; não dispensa um passeio pelo Centro, uma ida ao Parque de Madureira, uma volta pela Cidade das Artes ou qualquer outro evento que consiga ir. Gosta de teatro e música, às vezes se arrisca nessas áreas. Também é pseudônimo de Bárbara de Carvalho.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui