A partir deste mês de setembro, como anunciado, a Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (EMOP) vai disponibilizar até o dia 10 de cada mês os Catálogos e Boletim de Preços. As informações referentes ao mês de agosto /2021 foram publicadas hoje (10/09) e já estão disponíveis na plataforma digital da empresa, no endereço. O Sistema de Custos Unitários da EMOP, órgão vinculado à Secretaria de Infraestrutura e Obras (Seinfra), de acordo com decreto, é referência obrigatória na elaboração dos orçamentos de obras no estado do Rio de Janeiro e em municípios que não dispõem de sistema de custos.

 A pesquisa mensal realizada e divulgada pela EMOP contempla a atualização de cerca de 11 mil itens de serviços.  O Sistema de Custos Unitários  da empresa, além dos  componentes  nas áreas de edificação, pavimentação e saneamento  tem ainda uma categoria exclusiva com pesquisa de custos de serviços no âmbito do segmento sustentável. Conta também, em outra categoria,  com a publicação de preços de cerca de 5.600 insumos como por exemplo, areia, brita, cimento, asfalto, tijolo, tinta e aço. 

Segundo o secretário estadual de Infraestrutura e Obras, Max Lemos, a antecipação da divulgação dos boletins representa um marco importante. “ A medida é determinante para se ter cada vez mais confiança do setor na eficiência, qualidade e credibilidade dos orçamentos de obras, projetos e serviços elaborados com base no sistema EMOP. Ao todo, só na Secretaria de Infraestrutura e Obras, mais de 50 projetos estão sendo tocados no momento”, afirmou Max.

De acordo com o diretor-presidente da EMOP, André Braga, a antecipação da divulgação do Sistema de Custos Catálogos e Boletim é uma das metas prioritárias da empresa. “É nosso compromisso com o governador Claudio Castro e com secretário estadual de Infraestrutura e Obras, Max Lemos, fazer com que o Boletim retome o protagonismo na composição de preços da construção civil, setor importante e estratégico na geração de empregos e crescimento econômico do nosso estado”, afirmou.

A EMOP tem exclusividade na organização e desenvolvimento das atividades relativas à composição e fixação de preços unitários de materiais, equipamentos e mão de obra utilizados em obras públicas. É responsável por expedir mensalmente os respectivos Boletins, Catálogos de Materiais, de Composição dos Serviços e de Referência dos materiais, equipamentos e mão de obra vigentes no mês da pesquisa.

Nos Catálogos de Materiais, os interessados poderão encontrar, por exemplo, valores referentes à mão de obra e produtos como pisos, parafusos, cantoneiras, escavadeiras, cimento asfáltico, além de preços de insumos que podem variar de acordo com as  regiões do estado. A brita corrida, por exemplo, tem pesquisa de preços relacionada em Campos, Barra Mansa e Região Metropolitana.

Os Catálogos de Composição dos Serviços disponibilizam informações analíticas e organizadas de acordo com a natureza do que será executado. Traz a descrição do serviço, custo da mão de obra onerada e desonerada e preços de todos insumos. Reúne mais de oito mil páginas para consulta.  

Já o Catálogo de Referência contém os conceitos e custos diretos, entre outros, para montagem de orçamentos básicos, mobilização e desmobilização de canteiros, projetos de arquitetura para prédios hospitalares, escolas e espaços culturais, além de projetos executivos para instalação de esgoto sanitário.

Para aquisição dos catálogos e boletins mensais da EMOP, os procedimentos e orientações estão disponíveis no site da empresa. Ao acessar, os interessados deverão emitir uma guia para pagamento. A segunda etapa é o preenchimento de um cadastro na página. Em seguida, serão geradas e enviadas para o e-mail cadastrado as senhas de acesso às publicações.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui