Foto: Reprodução/ TV Globo

Nesta quinta-feira (11/12), a equipe de transição da Prefeitura do Rio de Janeiro encontrou equipamentos hospitalares e materiais que seriam usados contra a Covid-19 no Rio de Janeiro encaixotados em um galpão em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Entre o material encontrado, estão aparelhos de raio-x, desfibriladores e até álcool em gel vencido. O aluguel do galpão é de R$ 80 mil por mês.

O material foi achado durante uma vistoria da equipe que vai assumir a gestão da Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com o futuro secretário de saúde, Daniel Soranz, a situação se repete em outro galpão, no Aeroporto do Galeão, e também em hospitais municipais. Segundo a equipe de transição, a estimativa é de que este equipamento custou R$ 100 milhões aos cofres públicos.

A atual gestão da Prefeitura do Rio afirmou que os equipamentos essenciais já estão em utilização e que outros estão sendo instalados para uso gradativamente. Sobre o estoque de álcool, a subsecretaria de Saúde da atual gestão informou que notificou a empresa fornecedora para que faça a troca no prazo de 48h, sob pena de aplicação de sanções previstas em lei.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui