Colégio Palas, na Tijuca, Zona Norte do Rio, onde ocorreu o caso - Foto: Reprodução

Uma situação ”embaraçosa”, digamos assim, causou um clima desconfortável entre o Colégio Palas, um dos mais tradicionais da Tijuca, na Zona Norte do Rio de Janeiro, e alguns pais de alunos que estudam na instituição.

Isso porque, segundo informações publicadas inicialmente pelo colunista Guilherme Amado, do jornal ”O Globo”, na última terça-feira (27) foi descoberto por uma professora que os pais de um estudante do 2º ano do ensino fundamental haviam testado positivo para Covid-19. Ela ouviu a conversa entre ele e um colega de sala, passou a situação para a direção e o mesmo foi mandado para casa.

O Palas, porém, não comunicou o ocorrido aos pais de alunos que tiveram contato com a criança, que acabaram ficando sabendo através de seus filhos. Com isso, ou seja, sem informações passadas pelo colégio de maneira clara, alguns responsáveis optaram por não mandar os filhos à escola.

Via WhatsApp, em um grupo de pais, a mãe infectada pela Covid-19 questionou a falta de empatia de outros responsáveis, admitindo a testagem positiva mas alegando que estava seguindo as recomendações.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui