Vila Mimosa - Centro do Rio de Janeiro / Foto: Reprodução Internet

Os deputados Rodrigo Amorim (PSL), Alexandre Knoploch (PSL) e Jorge Fellipe Neto (PSD), da CPI dos Incêndios da ALERJ, interditaram na tarde desta quarta-feira (11/12) todos os bares e boates que formam a Vila Mimosa, famoso ponto de prostituição localizado na Rua Ceará, na Praça da Bandeira, região central do Rio.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

Durante a visita de inspeção, os parlamentares encontraram gambiarras, locais improvisados e pequenas cabines com lixo acumulado (com preservativos usados) e roupa de cama suja.


E em nenhum estabelecimento estava cumprido o mínimo exigido para prevenção de incêndios. Os deputados lembraram do caso da whiskeria Quatro por Quatro, que pegou fogo no dia 18 de outubro último.

Escória do Rio de Janeiro e degradação humana. Não há condições sanitárias para as pessoas frequentarem. Tampouco recolhimento de impostos ou cumprimento de códigos de posturas. A prefeitura parece ter esquecido que este lugar existe“, disse o deputado Rodrigo Amorim, vice-presidente da CPI.

O Deputado Estadual Rodrigo Amorim foi entrevistado pelo Programa Mesa Viva do DIÁRIO DO RIO.

“Ou se restaura a ordem ou se perdem vidas. Não há outro caminho”, disse o deputado Alexandre Knoploch (PSL), presidente da Comissão.

Além dos membros da comissão, seis oficiais do Corpo de Bombeiros também participaram do trabalho de fiscalização. Quando chegaram a Vila Mimosa, os deputados foram hostilizados por comerciantes e clientes do local, e com isso, tiveram que ser escoltados por 20 pms.

7 COMENTÁRIOS

  1. Grande monólogo egocentrismo. Só se preocupa em bater nos necessitados, mas ter um olhar humano no sentido de ajudar aquelas trabalhadoras que exercem com dignidade uma das profissões mais antiga do planeta, não! Não é este o espírito de um verdadeiro político. É legislar por leis mais justas e dinâmica para dar dignidade a pessoa humana, em momento algum chegou com propósito de amparar. Menos tempo ou mais tempo a verdade vai aparecer

  2. Enquanto isso, para se conseguir uma licença, o cidadão empreendedor sofre… Todos sabem – talvez no mesmo exemplo citado pelo parlamentar, como noutros (boite Kiss) – que os agentes nem sempre agem com ética, dentro da lei e com celeridade. Há até histórias de que rolou caixinha para obter (boite Kiss)
    Duvido que haja esse rigor noutras instalações.

  3. Hipócritas, escória é o local onde esses safados fingem que trabalham, nomeando funcionários fantasmas para ficar com o dinheiro público. Pq eles não estram nas favelas do Rio de Janeiro para ver como são as fiações. Lixo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui