Estreia, no dia (10/04), o espetáculo Melhor Faz Tranças do Mundo, da Palavra Z Produções Culturais, em duas sessões, uma às 17h e outra às 22h. A apresentação gratuita e online, é livre para todas as idades, e uma boa pedida para curtir o final de semana.

Sob direção de Luan Vieira, que também faz dupla com Dora Freind no texto, o espetáculo tem no elenco Luiza Loroza, Jorge Oliveira e Julia Freind, que vivem três grandes amigos que têm a missão de reconstruir uma cidade que foi devastada por um forte vento. Dos escombros do que ficou, a única pessoa capaz de refazer o lugar é um menino com uma habilidade de fazer tranças, que é apaixonado pelo número três, e encontra sempre uma terceira opção para resolver as coisas. O equilíbrio entre os extremos. Juntos, eles irão tentar trançar a cidade perdida em busca de reconstruir tudo que o vento levou.

Em um período de pandemia e dos encontros virtuais, falar de amizade e da esperança em outros futuros possíveis, para o diretor Luan Vieira, é afirmar que existe sempre a novidade das ideias que não cabem mais nesse tempo.

“Uma das minhas intenções como encenador é fazer o espetáculo fluir a partir da experiência de cada pessoa. Nesse sentido, a ventania é como a ruína de uma ideia muito bem estabelecida sobre o mundo. Minha intenção é fazer o público acompanhar uma história em que se perceba aquilo que no cotidiano não se consegue ver. Eu quero que o telespectador descubra através do espetáculo as suas próprias inquietações!”, destaca.

O espetáculo tem apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, através da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, com patrocínio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc.

SERVIÇO
GRATUITO
10,11,17,18,24 e 25/04
Sábado e Domingo: 17h
Exibição: Youtube.com/palavraz

Direção: Luan Vieira
Texto : Luan Vieira e Dora Freind
Elenco : Jorge Oliveira, Julia Freind e Luiza Loroza
Diretora assistente: Dora Freind
Direção de produção : Bruno Mariozz
Produção executiva : Fabio França
Assistente de produção: Fernanda Xavier
Iluminação: Ricardo Woolf
Cenário: Carlos Estranho
Figurino : Ananda Almeida
Trilha sonora : Samantha Jones
Arte : Zadô e Tulio Cassio

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui