Foto: Carlos Magno

Neste sábado (10/07), acontece a “VacinAÇÃO Ilha Grande”, um mutirão de imunização que pretende vacinar toda a população local maior de 18 anos. Estiveram presentes na ação o governador Cláudio Castro e o prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão.

Parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), e a Prefeitura de Angra dos Reis, a vacinação faz parte de estudo epidemiológico para monitorar a imunização em massa. O objetivo é acompanhar, durante um mês, os efeitos adversos e a resposta da imunização na população, além de comparar a frequência de casos de Covid-19 com outras regiões da cidade.

Essa vacinação em massa demonstra que queremos toda a população do estado vacinada para que nossa vida volte ao normal. Aqui, além de proteger todos, também estamos incentivando o turismo consciente. Precisamos vacinar, tomar a segunda dose e não escolher vacina“, afirmou Cláudio Castro.

A expectativa é que sejam vacinadas 2.500 pessoas com 18 anos ou mais e que ainda não tenham recebido a primeira dose contra a Covid-19. Elas serão imunizadas com a vacina Janssen, de dose única.

A vacinação de toda a população com 18 anos ou mais nos permitirá avaliar os efeitos, assim como a resposta imunológica da população. Em 30 dias realizaremos teste sorológico nas pessoas imunizadas para fazermos avaliação do cenário“, explicou o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

Para o prefeito de Angra, Fernando Jordão, é um marco para o Estado do Rio: “Vacinar todas as pessoas daqui representa a proteção da população e o retorno da economia. Essa iniciativa também repercute no Brasil e no mundo, já que a ilha é patrimônio mundial da Unesco”.

O mutirão contou com a mobilização de 60 profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, além de funcionários de outras secretarias parceiras e da Secretaria de Estado de Saúde. Depois da vacinação, a população será monitorada.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui