Foto: Divulgação

Texto de Douglas Freitas

O Rock in Rio anunciou recentemente o lineup de seu novo palco, o Palco Supernova que reúne grandes expoentes da atual música brasileira em um espaço privilegiado com vista para toda a Cidade do Rock e entre eles o grande compositor e cantor  André Prando que é no momento um dos caras que mais chama a atenção do público e encantado a todos pela sua música. Convidamos o Capixaba para um bate papo super legal no qual vamos falar de seu show no Rock in Rio e de seu maravilhoso e intrigante Clipe de “Fantasmas Talvez” que por sinal é um dos melhores clipes do ano, clique aqui para assistir.



EQFM- Que começo de semestre! Um clipe maravilhoso que estreou com pé direito e ainda por cima foi confirmado seu show no Rock in Rio… Como estão as emoções por ai  e qual a expectativa pra esse show no palco supernova do Rock in Rio?

André Prando – Setembro chegou um furacão pra nós! O videoclipe “Fantasmas talvez” e o anúncio de nossa participação no lineup do Rock in Rio foi no mesmo dia e tá sendo um alvoroço maravilhoso em nossas redes. Além disso, temos outros shows muito fodas pra rolar nas próximas semanas. Alegria define! As grandes conquistas e a vibração das pessoas é de emocionar. RIR é o sonho de qualquer músico e pintou inesperadamente, claro que não foi do nada, pois é fruto de MUITO trabalho, de muitos anos. É toda uma vida dedicada à música, então é alegria de colher nossos frutos e festejar com nossos ouvintes.

EQFM- Falando um pouco mais sobre seu novo clipe da música “Fantasmas Talvez”, poucas vezes vimos um clipe estrear  com tanto interesse por parte do públicoem decifrar a mensagem exposta, como foi o processo de produção desse clipe incrível que nós já colocamos entre os melhores do ano?

André Prando – A música e o clipe partem de uma ideia de que devemos enfrentar nossos fantasmas, saber identificar, lidar. E o que são esses fantasmas? Escolhas que fizemos, perdas, vitórias, traumas, superações, ausências, presenças, morte, vida.

Ao mesmo tempo que a música traz uma reflexão que emociona, por poder trazer a tona fatos que marcaram a vida de cada pessoa de uma forma específica, ela soa goodvibes, ela propõe um enfrentamento leve com nossos fantasmas. A proposta é entender como somos complexos, como o que parece simples tem sua profundidade, cada episódio da vida é dramático, o clipe é um furacão do nosso drama e uma dança com nossos fantasmas.

EQFM -Seu disco mais recente “voador” é um grande sucesso, porém  a versão acústica se “fantasmas talvez” se sobressaiu, pensa em lançar um disco desplugado?

André Prando – Desde que lancei versões acústicas de músicas do Estranho Sutil pelo canal Elefante Sessions lá em 2015 eu percebi o quanto as pessoas gostam de me ouvir em versão acústica, sabe? Acho isso o máximo, é um formato que eu amo, que tem um significado pra mim, é como eu componho, é um formato que privilegia a canção, a letra, a voz. Então eu gosto de preparar versões acústicas. E EU AMO arranjos mais complexos e plugados também! Gosto de tudo de forma diferente. Muito em breve vai sair mais lives acústicas. Disco acústico? Já pensei sim! Tenho esse plano ainda!

EQFM- É possível definir seu som?

André Prando – Tudo é possível, não significa que seja uma definição 100%. Eu me vejo bailando entre a MPB e o rock experimental, mas sempre convido o expectador a ouvir e tirar as próprias conclusões. Me sinto livre para experimentar qualquer ritmo do nosso jeito.

EQFM – Qual a importância desse Palco Supernova para o atual mercado brasileiro independente? Visto que muitas das bandas presentes já não são mais promessas e já tem uma longa carreira.

André Prando – Concordo com você! Muitas bandas ali já tem um rolê muito firme, público forte, anos de estrada, mas num cenário independente. Acho que o Rock in Rio simboliza um festival com apelo popular e de massa, atinge outro nível de público, que nem sempre tá antenado nos rolês independentes, afinal são MUITOS rolês. Eu fico feliz que seja um palco que tá antenado em coisas que ainda não estão no mainstream, isso já é ótimo. Espero que as pessoas percebam a importância dele no festival e que seja um line aguardado pros próximos anos.

EQFM – planos para esse fim de ano e pra 2020? Vem mais clipes maravilhosos por ai?

André Prando – Temos alguns shows muito fodas e outros festivais pra tocar nas próximas semanas:

19/09 – Criolina (Brasília/DF)

21/09 – Festival Marreco (Patos de Minas/MG)

26/09 – Festival de Cinema de Vitória (Vitória/ES)

28,29/09 – Viradão Cultural (Vitória/ES)

06/10 – Rock in Rio (Rio de Janeiro/RJ)

11/10 – Festival Multipliqui (Muqui/ES)

14/11 – Festival Morrostock (Santa Maria/RS)

Vamos lançar mais registros ao vivo/acústicos e, ainda, o show de lançamento “Voador ao vivo no Teatro da Ufes” que foi todo registrado e vamos trabalhar pra lançar na íntegra em breve. Tenho trabalhado em algumas composições em parceria também e pretendo começar a trabalhar esses feats assim que possível.

EQFM – Por fim é uma honra conversar com André Prando,  gostaria  de pedir que deixasse um recado pra galera que vai estar no rock um rio e que esta doida pra ver o máximo de show possível…

André Prando – Eu amo festivais, parece uma dica boba, mas recomendo que as pessoas mapeiem os shows que quer ver, esqueça a ideia de ver TODOS os shows, é impossível. Programe seus horários pra ver prioritariamente o show do André Prando, e depois os outros que você quer ver (risos). Esteja confortável, beba água e se for usar entorpecentes, use com moderação.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui