UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Foto: Rogerio Santana

A UERJ completa 70 anos em 2020, mas já de início às comemorações. A exposição ‘ESQUELE70’ contará a história da instituição, desde sua criação até os dias atuais. Referência no ensino público, pesquisa e extensão, a UERJ amplia cada vez mais sua relação com a sociedade a partir de conhecimentos artísticos, científicos e culturais. A mostra será inaugurada, nesta quinta-feira, 12/12) às 18h30, no Paço Imperial, Centro do Rio, e é aberta para todos que quiserem prestigiar e conhecer a UERJ e as obras de artistas que fizeram parte da sua trajetória.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

A ideia de criar a ‘ESQUELE70’ surgiu a partir das pesquisas do professor Luís Reznik, da Faculdade de Formação de Professores – FFP e equipe, que levantaram extenso material acerca da história e das características da universidade. A exposição foi dividida em módulos: o primeiro é o “Núcleo histórico”; o segundo, “Campi e entorno”. Em seguida, serão apresentados “Movimentos docentes e discentes” e “Produção científica e Políticas públicas”.

Pao-do-Ouvidor
Cada vez mais, o Shopping Paço do Ouvidor se fortalece como ponto de encontro no Centro do Rio. Passa no Paço.

A mostra segue em cartaz até 16 de fevereiro de 2020. O Paço Imperial fica na Praça Quinze de Novembro, 48 – Centro. O local funciona de terça a sexta, das 12h às 19h; sábados, domingos e feriados, das 12h às 18h.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui