Martinho da Vila e Manoelzinho do Petisco - Reprodução: Internet

Na noite desta quarta-feira, 12/08, faleceu Manoelzinho do Petisco. Manuelzinho, que era muito querido no setor da gastronomia carioca, foi dono do antigo Petisco da Vila, e atualmente comandava o Restaurante da Quinta da Boa Vista, o Petisco do Nova América e do Baião de Dois, em São Cristóvão.

Manoelzinho, de acordo com pessoas próximas, andava muito triste nos últimos meses. Um amigo próximo dizia que ele estava com muitos problemas e muitas contas a pagar, especialmente com a crise econômica.

Ele foi um dos maiores expoentes da cultura de boteco do Rio de Janeiro. Ele quem criou a ideia de passar os petiscos pelas mesas, o que hoje se vê em bares como Belmonte e outros. O Petisco original, em Vila Isabel, tinha fechado às portas em 2017, devido ao aumento da violência no local.

O Rio Boêmio está de luto.

26 COMENTÁRIOS

  1. Milhões de opiniões podem ser dadas. O Neca ou Nequinha como carinhosamente chamávamos é a pessoa mais bem disposta e sempre pronto para uma piada que jamais conhecerei. Só uma maldita razão resultante de profunda alteração do cérebro provocada por essa doença silenciosa que é a depressão escondida poderia ter esse fim. Quem já teve sabe o que é e reconhece as ideias que passam na cabeça. É horrível. Apelo a todos os que tiveram o regozijo de conhecer o Nequinha que orem, orem muito para que ele entre no reino dos céus e encontre a paz que tanto precisa. Orem pela família que está a sofrer pela perda e vai sofrer com a saudade. Que Deus permita que continuem suas vidas da melhor forma possível.

  2. Devemos orar pelos que sofrem e pelos de todos os reinos, minerais, vegetais, animais, ominais, e principalmente pelos mortos, ainda mais com mortes sofridas. Quando oramos, nossas preces chegam através de bençãos e são bálsamos aqueles aos quais as dirigimos. Não nos cansemos de orar aos que necessitam.

  3. Meu amigo e cliente ,grande Manoel !
    Chorei em saber dessa triste notícia
    Fiquei arrasada
    Pessoa maravilhosa,atencioso e educado .Me ensinou muitas coisas .
    Força a família
    Deus console os corações .

  4. Sempre tem um imbecil acéfalo que por não respeitar a dor alheia se acha no direito de covardemente tecer críticas a alguém que não está aqui para se defender, desrespeitando a família e os amigos.
    Vá em paz, Manuelzinho!

  5. EU ME REPORTO COMO FREQUENTADORA ASSIDUA POR VARIOS MOMENTOS E MOTIVOS DIFERENTES NA MINHA VIDA E MORADORA DESDE QUE NASCI EM VILA ISABEL QUANDO SOUBE FIQUEI TRISTE EM SABER HOJE DO FALECIMENTO DO MANUELZINHO O CONHECI DESDE JOVEM SEMPRE ATENCIOSO COM OS FREQUENTADORES DO PETISCO DA VILA QUE JA ERA CONSIDERADO UM AMIGO NOSSO SEGURAVA CHEQUES DA GENTE E TROCAVA CHEQUE PRÉ DATADO QUANDO PRECISÁVAMOS, NOS DIAS DE JOGOS DO BRASIL E OUTRAS FESTIVIDADES ESTAVAMOS LÁ COMEMORANDO COM ELE ME LEMBRO SEMPRE NO NATAL, O MANUELZINHO, O PERNA, FERNANDO BARRETO E OUTROS LOJISTAS E AMIGOS PROMOVIAM UMA FESTA DE NATAL QUE IA EM FRENTE DO PESTISCO NA VISCONDE DE ABAETÉ ATÉ ATÉ UM POUCO DEPOIS DA CASA DO PERNA E CADA MORADOR QUE ESTIVESSE SEM FAMILIARES OU SEM TETO O MANUELZINHO DOAVA BEM PODERIA CEIAR COM TODO MUNDO JUNTO O ELE EMPRESTAVA MESAS QUE VIRAVA UMA SO ENERGIA POSITIVA AJUDAVA NA CEIA E CADA MORADOR QUE FOSSE LEVAVA ALGUM PRATO DE COMIDA SE NAO TIVESSE NAO PRECISAVA LEVAR NADA O PERNA SE VESTIA DE PAPAI NOEL O MANUELZINHO E OUTROS LOJISTAS E AMIGOS DO BAIRRO CONTRIBUIAM PARA DISTRIBUICÃO DE PRESENTES PARA CRIANCAS POBRES OU NÃO QUE VINHAM PRA CEIA. MANUELZINHO DEIXEOU UM LEGADO FARTO EM VILA ISABEL. MEUS SENTIMENTOD A FAMILIA.

  6. Lamentável. Penso que os amigos e admiradores precisam saber se o corpo foi localizado, o sepultamento. As pessoas públicas como Manuelzinho e que cativou muitas pessoas, é necessário que saibamos seus últimos momentos. Se faz necessário para ele, na sua caminhada para o mundo espiritual, receber as orações das pessoas que tanto gostavam dele. É necessário finalizarmos este ciclo do Manel aqui na terra através de muitas orações.

  7. Uma pessoa amiga animada e genial, tinha seu jeito próprio de ser e criar, formou uma família maravilhosa e marcou positivamente a vida de muitos. Tive o prazer de conviver com ele e sua família. Seu legado continua e podem ter certeza que seus filhos e colaboradores vao sempre estar oferecendo o melhor do que ele nos trouxe. Quem tiver oportunidade que visite o petisco no nova América ou o baião de dois na Tijuca ou na feira de são Cristóvão ou o restaurante da quinta com todo seu glamour e conhecerao um pouco mais de Manuelzinho. Saudades do amigo

    Joney

  8. Na terça-feira 11/08 almocei com um amigo no Restaurante da Quinta, lá veio o Manoelzinho, como sempre fazia com Seus clientes, e ficou um bom tempo conversando com a gente.
    Que tristeza e dúvida estou, pois não me vejo ir no Seu restaurante e não vê-Lo mais ali.
    Que dor!!! que falta Vc vai fazer!!!! a saudade Sua todos Nós que Lhe conhecemos vamos sentir e lembrar quando passarmos pelo Petisco na Vila e no charmoso restaurante da Quinta.

  9. Lembro um dia que estava almoçando no Restaurante da Quinta da Boa vista, ele chegou cumprimentando a todos mesa por mesa, chegou na minha olhou a batata Portuguesa, pediu licença provou a batata e disse “não está crocante “ chamou o garçom e mandou trocar. Esse era o Manoezinho.

    • Foi de depressão, não aguentou a crise do Corona Vírus, se sentindo sozinho e com muitas pressões financeiras, resolveu tirar sua própria vida e se atirou da Ponte Rio Niterói . Foi sempre educadíssimo, gentil e sempre amigo. Muito Triste ! Deixará muita saudade !

  10. Um grande amigo..conselheiro fez a união varias gerações.
    Todos os boêmios do Rio está luto esse cara faz toda diferença no salão dos seus restaurantes transformava um simples almoço em evento festivo.
    Deus conforte sua família.

  11. Quando vai embora para sempre, uma pessoa como o Manuelzinho, perde toda cadeia de gastronomia (quem faz, quem consume e quem trabalha para o segmento)
    Descanse em Paz. Você tem algumas páginas na história da gastronomia Carioca.

  12. Quando se perde o criador de ideias, como Manoelzinho, perde toda comunidade da Gastronomia (Quem faz e quem consume).
    Descanse em Paz,

  13. Grande perda para a gastronomia, o entretenimento e a Cultura Carioca.
    O Rio perde um grande e valoroso empreendedor. Vc vai deixar saudades, Manoelzinho.
    Plinio Froes/Diretor do Polo Novo Rio Antigo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui