Foto Cleomir Tavares / Diario do Rio

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), criou um comitê científico para o enfrentamento da pandemia da Covid-19 na última segunda-feira (12/04). No entanto, a maioria dos especialistas que compõe o comitê são a favoráveis ao chamando tratamento precoce, por meio do uso de medicações que não possuem qualquer comprovação cientifica. A informação dos componentes do comitê foi noticiada pelo jornal RJ1.

A função do comitê instituído por Castro será de “monitorar e avaliar o desempenho do SUS no âmbito do estado e elaborar recomendações à Subsecretaria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado de Saúde”. Além disso, o governador em exercício afirma que os profissionais que compõe o grupo, farão trabalho voluntário.

O governo do estado também diz que os especialistas selecionados para comitê irão colaborar com decisões e reforçar o diálogo com a sociedade.

Entre os profissionais que compõe o comitê está o infectologista e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Edimilson Lisowski. O médico ocupa o cargo de presidente do grupo. De acordo com informações do jornal O Globo, o médico é defensor do uso do vermífugo nitazoxanida como tratamento prévio para sintomas da Covid.

Outro médico infectologista que compõe o grupo é Ricardo Zimerman, igualmente defensor de tratamentos precoces. Já o psicólogo e consultor do Ministério da Saúde, Bruno Campello posiciona-se abertamente contra o lockdown, assim com seu pai, Fernando Campello, que também compõe o comitê para enfrentamento da Covid-19.

Costa do mar, do Rio, Carioca, da Zona Sul à Oeste, litorânea e pisciana. Como peixe nos meandros da cidade, circulante, aspirante à justiça - advogada, engajada, jornalista aspirante. Do tantã das avenidas, dos blocos de carnaval à força de transformação da política acreditando na informação como salvaguarda de um novo tempo: sonhadora ansiosa por fazer-valer!

4 COMENTÁRIOS

  1. Francamente esta matéria deveria ter sido escrtia por um médico, e não por uma pessoa que já tem uma opinião única e que não está dando certo! Não tem vacina no mundo suficiente para todos! As vacinas que existem também não teem eficácia e outras já mataram e até mesmo tiveram a sua utilização suspensa no mundo, como no caso da Astrazenica. Por outro lado estamos vendo cidades que utilizam o tratamento precose e estão tendo resultados, como no caso de Chapecó. Deveriamos estar tentando todos os meios para que a vida das pessoas fossem polpadas o máximo que conseguissemos. Vanessa Costa, dá ára ver que vc não tem nenhuma empatia com a vida das pessoas; por favor deixe os médicos fazerem o seu papel e limite-se ao seu que é dar notícia.

  2. Está faltando no Brasil e é urgente colocar na CADEIA pessoas que ATENTAM contra o Brasil, a população, Instituições Republicanas e todo o sistema econômico do país. Lugar de pilantra é na cadeia. É pregunta que não quer calar: Por que o processo judicial de furto de recursos da pandemia só está andando para o ex-governador. Pelo que foi dito o Cláudio Castro faz parte desse processo ou NÃO?

  3. Cadê os leitos que seriam criados com a desfederalização do Hospital Federal prometidos (????)
    E coloca uma pessoa como Secretário de Saúde totalmente nervosinho com a Imprensa…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui