Foto: Carlos Magno

No último sábado (10/04), o governador em exercício, Cláudio Castro, acompanhado de secretários de governo, visitou a área onde será implantado o primeiro condomínio vitivinícola do Rio de Janeiro, em Areal, região Centro-Sul Fluminense. No local, haverá produção de oito variedades de uvas finas, entre elas Cabernet Franc, Carbenet Sauvignon, Merlot, Pinot Noir e Malbec.

As obras vão gerar 150 empregos diretos e indiretos em Areal. Quando o empreendimento estiver pronto, serão 40 postos de trabalho. 

Investimentos que diversificam a economia, gerando emprego e renda, são fundamentais para o desenvolvimento no estado. Este empreendimento ganhará ainda mais importância após a pandemia, já que o turismo será um elemento-chave na retomada do crescimento do Rio de Janeiro“, afirmou Cláudio Castro.

O empreendedor do ramo imobiliário Bernardo Eloy enxergou potencial da região e contou que a ideia é focar na temática italiana, reproduzindo uma Vila Toscana na área rural de Areal.

“Nossa ideia é construir também um hotel-boutique, capela, spa, vinícola com degustação e promover visita as áreas de armazenamento e produção dos vinhos“, disse.

Irmão e parceiro de trabalho, José Carlos Eloy acrescentou que a vinícola vai fomentar o turismo na região: “O local será uma referência no interior do estado. As pessoas poderão passar férias, passear, aproveitar as belezas da região e apreciar os vinhos“.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui