Fotos: Fabiano Veneza

Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, por meio da Superintendência de Combate aos Crimes Ambientais, e o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) deflagraram, nesta sexta-feira (11/6), operação para reprimir construções irregulares em área protegida de Vargem Grande.

A ação foi desencadeada graças ao Olho no Verde, programa da secretaria que monitora via satélite (com imagens em alta resolução) áreas remanescentes de Mata Atlântica em todo o território fluminense. O objetivo é combater o desmatamento ilegal.

O secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, Thiago Pampolha (PDT), participou da fiscalização e constatou junto à equipe marcações de lotes dentro da área do Parque Estadual da Pedra Branca, construções em zona de amortecimento sem nenhum tipo de licença ou autorização, supressão de vegetação, manejo irregular do solo entre outras irregularidades ambientais.

Graças ao nosso projeto Olho no Verde foi possível identificar essas irregularidades e mobilizar nossas equipes para combater esses crimes ambientais. Vamos continuar trabalhando de forma ostensiva para coibir a expansão dessas ocupações que colocam em risco o meio ambiente e também a população – explica Thiago Pampolha.

A fiscalização mobilizou cerca de 50 pessoas e contou com o apoio da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) e da companhia de energia elétrica Light.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui