No Dia do Nutricionista, comemorado nesta terça-feira (31/08), a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento doou 500 mudas de hortaliças e árvores frutíferas para o complexo de saúde de São Gonçalo onde funcionam o Hospital Alberto Torres e a UPA do Colubandê, em São Gonçalo. Os profissionais das duas unidades e também do Hospital João Batista Cáffaro, em Itaboraí, participaram ainda de outras atividades, como palestras sobre reaproveitamento de alimentos e degustação de produtos naturais.

– Essa ação é de grande relevância para a nossa secretaria, principalmente nesta data tão importante que é o Dia do Nutricionista. Temos que agradecer o carinho desses profissionais com a nossa saúde e com o nosso bem-estar. A secretaria de agricultura tem tido o papel de oferecer as informações necessárias para que todos possam cultivar alguns alimentos saudáveis em casa, em pequenos espaços e a um custo baixo. – destacou o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz.

O engenheiro agrônomo Benito Igreja, da Emater-Rio, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura, deu dicas de cultivo e manejo para a criação de uma horta em casa. Ele garantiu que manter uma horta urbana não só é possível como bastante recomendável.

O cultivo de folhas e temperos em casa, promove uma melhor alimentação ao incentivar o consumo desses alimentos – disse o agrônomo.

Segundo o diretor do Hospital Alberto Torres, Raphael Riodades, o evento mostra a importância do nutricionista na prevenção a doenças e proteção à saúde, além de influenciar na qualidade de vida e orientar como se alimentar de forma mais saudável.

Nos hospitais, o nutricionista é um profissional essencial para o tratamento de pessoas internadas. Ele é responsável por garantir o aporte de nutrientes necessários para a recuperação do estado nutricional do paciente, evitando problemas como fraqueza, dificuldade de cicatrização, diminuição das funções dos órgãos e risco de infecções – ressaltou o diretor.

Dicas básicas de cultivo (frutas e hortaliças)

A bióloga Louise Schiatti explica que, para iniciar o cultivo em casa, o primeiro passo é analisar os espaços disponíveis para montagem da horta, seja em canteiro ou em vasos. Confira o passo-a-passo:

  • Procure por um espaço com boa luminosidade.
  • Reutilize recipientes que tenham uma boa profundidade para criação de canteiros ou adquira vasos com tamanhos adequados para abrigar as suas mudas.
  • No geral, as frutíferas precisarão de seis horas diárias de exposição ao sol para um bom desenvolvimento e rega em abundância.
  • Atente-se, em todos os casos, para a capacidade de drenagem do solo, pois a água não pode ficar acumulada para não apodrecer as raízes das plantas.
  • Caso o espaço escolhido seja de exposição intensa ao sol, monte os vasos das frutíferas de modo que, ao crescer, crie sombra para o desenvolvimento das hortaliças folhosas.
  • As hortaliças se desenvolvem com um pouco menos de exposição ao sol e devem ser colhidas frequentemente.
  • O cultivo de diferentes plantas, juntamente com rega adequada, adubação e colheita\poda são os passos necessários para uma horta saudável, bem desenvolvida e sem pragasse.
  • Lembre-se de fazer a cobertura do solo que estiver abrigando sua hortinha, pode utilizar folhas secas, galhos ou casca de pinus.
  • Essa cobertura impede o crescimento de plantas conhecidas como erva daninha, que competem com a sua horta por espaço e nutrientes, e também mantem por mais tempo a umidade do solo.
  • Observe diariamente o desenvolvimento do seu espaço verde. As plantas dão sinais quando alguma coisa não está indo bem.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui