Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira (22/01), o Governo do Rio de Janeiro publicou um decreto autorizando, de maneira oficial, que o Maracanã receba a final da Copa Libertadores, entre Palmeiras x Santos, marcada para o próximo dia 30/01, às 17h. No documento, o governador em exercício, Cláudio Castro, definiu que o estádio tenha um limite de até 10% de sua capacidade para a operação da partida.

Vale ressaltar que não haverá público pagante no jogo. As pessoas autorizadas a estar no estádio são relacionadas à organização da partida, segurança e realização, bem como aos patrocinadores do evento e aos clubes, no limite pré-estabelecido. Palmeiras e Santos têm direito a 150 convites cada.

Atualmente, o Maracanã tem capacidade para receber 78.883 pessoas. Sendo assim, a capacidade autorizada de operação para a final é de quase 8 mil pessoas. A Conmebol, porém, responsável pela organização da competição, não deseja um número tão alto assim.

Já em relação ao efetivo policial para a partida, será, ao todo, de 550, com agentes tanto no interior do estádio quanto nos arredores. Também haverá mais 200 guardas municipais trabalhando na região.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui