Foto: Murillo Mello Neto

O Hemorio em Casa, programa do banco de sangue do Governo do Estado do Rio de Janeiro, atingiu a marca de 2.500 bolsas de sangue coletadas, número que pode representar mais de 10 mil vidas salvas. O projeto foi criado para captar doadores nos grandes condomínios do Rio com objetivo de aumentar as doações durante o período da pandemia do novo coronavírus.

A campanha, que conta com o apoio da empresa Artplan, teve início em abril e já atendeu cerca de 40 condomínios no município do Rio. Graças ao esforço dos doadores, foi possível registrar crescimento de quase 10% no número de bolsas coletadas no último mês quando comparado com o mesmo período do ano anterior. A estratégia leva toda estrutura para coleta de sangue aos salões de festa de condomínios com pelo menos 500 moradores em idade adequada para doar.

Como participar

Após o cadastro, o doador é orientado a aguardar em seu apartamento até o momento da coleta, quando é contatado via whatsapp ou interfone. Após o procedimento, ele pode retornar a sua residência, evitando assim aglomerações, o uso de transportes públicos e a exposição prolongada em ambientes externos.

Os síndicos de condomínios interessados na ação e que possuam a estrutura e o número adequado de moradores podem entrar em contato com o Hemorio pelo e-mail coleta.condominio@hemorio.rj.gov.br ou pelo telefone 21 96467-2154.

Outras campanhas

O Hemorio também mantém a campanha #vocedoaagentedoa em parceria com a Piraquê, marca de massas, biscoitos e torradas. Até o fim de maio, para cada bolsa de sangue arrecadada, 500 produtos alimentícios serão doados ao Mesa Brasil, banco de alimentos gerido pelo Sesc, que vai direcionar os itens para comunidades carentes do Rio de Janeiro.

O RioSolidario, entidade sem fins lucrativos voltada para a assistência social, também participa da campanha e receberá R$ 200 mil da Piraquê para a compra de equipamentos de proteção individual (EPIs). Ao todo, 1.000 kits com luvas, máscaras e aventais serão distribuídos para hospitais do Estado do Rio de Janeiro para que os profissionais de saúde possam atuar de forma segura durante a crise da covid-19.

Outra parceria é com a empresas de transporte por aplicativo Cabify Brasil. O interessado em doar sangue ganha duas viagens gratuitas, caso tenha a sede do Hemorio como ponto de destino ou saída, usando o código DOECREDICARD no aplicativo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui