Estádio de São Januário por Alex Carvalho
Estádio de São Januário por Alex Carvalho

Aproveitando o clima de Olimpíada que sempre exalta algo bastante especial, que é a prática esportiva, o Diário do Rio contou, de forma breve e objetiva, a história das primeiras sedes dos quatro grandes clubes de futebol do Rio de Janeiro (Gávea, Laranjeiras e General Severiano). E para terminarmos só faltava o estádio de São Januário, do Vasco da Gama.

Andarahy

Em 1923, o Vasco passou a disputar a principal Liga do Rio de Janeiro. O time precisava de um estádio próprio, já que antes mandava seus jogos no campo do Andarahy, que depois se tornou campo do America, que em uma permuta cedeu o terreno para construção do Shopping Iguatemi, atual Boulevard Rio Shopping.

[iframe width=”100%” height=”90″ src=”https://diariodorio.com/wp-content/uploads/2015/05/superbanner_66anos.swf-3.html”]
Com mais de meio século de tradição no mercado imobiliário do Rio de Janeiro, a Sergio Castro Imóveis sempre contribuiu para melhorias em nossa cidade, conservando o que temos de melhor

Então, iniciou-se uma campanha para arrecadação de recursos para erguer a sede vascaína. Em pouco tempo, torcedores e simpatizantes do clube, levantaram Cr$ 690.895,00, o suficiente para a compra de uma grande área em São Cristóvão, de 65.445 m². Com isso, foram angariados mais, aproximadamente, Cr$ 2.000,000. Aí, o Estádio começou a ser construído.

Ricardo Severo
Ricardo Severo

As obras se iniciaram em seis de junho de 1926. O arquiteto português Ricardo Severo foi nomeado responsável pelo projeto do Estádio.

Jornal sobre o lançamento da pedra fundamental do São Januário

A história da construção desse Estádio é muito bonita. A mobilização de torcedores, que de modo geral nem eram pessoas muito ricas, é algo marcante. Até 1930, São Januário era o maior estádio das Américas, até os anos 1940, o maior do Brasil e até 1950, quando o Maracanã ficou pronto, era o maior do Rio”, frisa o historiador Maurício Santos.

Pontapé inicial da partida inaugural de São Januário entre Vasco e Santos no dia 21 de abril de 1927
Pontapé inicial da partida inaugural de São Januário entre Vasco e Santos no dia 21 de abril de 1927

O jogo de estreia foi contra o Santos. A partida, realizada no dia 21 de abril de 1927, terminou 5 a 3 para os adversários. O gol inaugural do estádio foi feito pelo santista Evangelista, aos 20 minutos do primeiro tempo. O primeiro gol vascaíno foi marcado pelo jogador Negrito aos 23 minutos do primeiro tempo.

Getúlio Vargas no São Januário

O Estádio tem muita história fora do futebol. Na casa do Vasco foram realizados eventos políticos, como o comício de 1º de maio, no qual o presidente Getúlio Vargas anunciou a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), as primeiras leis trabalhistas do Brasil. Além disso, também recebeu acontecimentos culturais: apresentação dos corais do maestro Heitor Villa-Lobos. Entre outras celebrações.

Romário dá a volta olímpica após o seu milésimo gol, marcado em São Januário
Romário dá a volta olímpica após o seu milésimo gol, marcado em São Januário

No dia 20 de maio 2007, o atacante Romário marcou o seu milésimo gol, na partida entre Vasco da Gama e Sport Recife. Uma estátua, dentro de São Januário, foi erguida para homenagear o jogador.

Recentemente, São Januário vem passando por algumas reformas, que têm como foco principal deixar o Estádio mais confortável para os torcedores vascaínos, uma vez que o Vasco manda seus jogos nessa sede.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui