Homem que estava em um BRT cai de viaduto na Zona Oeste do Rio

O caso aconteceu na TrasOlímpica, próximo à estação Asa Branca, em Curicica. De acordo com informações iniciais, ele foi levado para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca

Imagem feita por um passageiro pouco depois da queda

No início da noite desta segunda-feira,19/09, um homem caiu de um BRT que passava pelo viaduto da TransOlímpica, na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. De acordo com informações iniciais, após a queda, ele foi levado para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca.

Segundo relatos de pessoas que estavam no veículo, obtidos pelo DIÁRIO DO RIO, e de redes sociais, o homem caiu na subida do viaduto, entre a estação Asa Branca e os arredores da Estrada dos Bandeirantes, em Curicica.

A MOBI Rio, responsável pelo Serviço BRT, informa que, “segundo testemunhas, o passageiro forçou a porta com o veículo em movimento para que pudesse viajar pendurado e acabou caindo. O motorista parou e foram seguidos todos os protocolos. O Samu foi imediatamente acionado para prestar atendimento. Vale destacar que forçar a porta e destruir o equipamento é um ato de vandalismo e coloca em risco não só a vida de quem a mantém aberta como a dos demais passageiros. Em média, 30 portas e cinco alçapões são quebrados por dia. Muitas vezes motoristas são ameaçados quando param o articulado após constatarem os atos de vandalismo. A nova frota que vai ser integrada ao sistema virá com mecanismos das portas reforçados e protegidos contra esse tipo de vandalismo”.

Reprodução redes sociais

Os relatos de BRTs circulando lotados e com as portas abertas são constantes. O DIÁRIO DO RIO já publicou algumas matérias retratando a perigosa situação.

Advertisement

11 COMENTÁRIOS

  1. Sistema BRT, só funciona quando tem evento, pra fazer bonito prós Gringos. Pego essa merda todo dia e as portas não fecham porque além de super lotação alguns usuários não deixam fechar mesmo. Sem manutenção e sem proteção.

  2. BRT é um sonho realizado mas cheio de pesadelos.pior que o trem espera lotar pra sair do ponto final lá em sulacap um horror!!graças a deus que só uso essa porcaria 2 vezes na semana.tenho pena de quem precisa usar a semana toda.é muito sofrimento.

  3. Para os que não acreditam, forçar a porta para não fechar é a coisa mais normal dk Brt. Moro em frente à uma estação e isso é recorrente, mesmo com o brt vazio.

  4. Sem contar a temperatura que é insuportável, extremamente quente ,e como só vive super lotado, imagino que ele tenha aberto a porta pra correr um ar que não seja o viciado,de um monte de pessoas no mesmo ambiente,se é que ele abriu mesmo , pois na maioria das vezes elas nem fecham,ficam abertas mesmo após o comando do motorista .
    Na verdade odeio ter que ir pra barra somente pelo péssimo estado dos BRT, sujos,quente,lotados e quebrados, mais sabemos que a prefeitura sabe de tudo isso,mais ignora o fato, mais uma vergonha pra esse país Brasil.
    Acredito que a vítima somos todos nós brasileiros,que precisamos chegar ao seus postos de trabalho nessas geringonça articulada que chamam de BRT,que mais parece transporte de gado!

    • Porra nenhuma!! Deve ter sido um pivete que adora viajar pendurado na porta, achando que é super-homem. Pego BRT todo dia, saindo de Magalhães Bastos 05:20 da manhã até o Parque Olímpico, na volta faço o mesmo trajeto, e digo que é pior ainda. Toda vez o motorista para quando tem alguma porta aberta, e o mesmo só dá a partida quando TODAS as portas estão fechadas. Concordo que os ônibus do BRT não estão lá essas coisas já faz tempo, mas não é só culpa deles.

  5. O serviço está deixando a desejar…o que vejo são cidadãos voltando do trabalho com superlotação, portas abertas…pra quem não depende, anda de carro particular, ar condicionado, de jatinho é fácil falar, revolta!

  6. Ele se pendurava porque nao cabia mais, daí realmente precisou se pendurar, pq esse serviço BRT é algo de péssima qualidade e péssima segurança aos passageiros. Não é só a porta, tem ferros expostos e caindo de quebrados que estão, tudo sujo e visivelmente sem manutenção, então colocar a culpa nos usuários é um ato de extrema irresponsabilidade, pois se ao menos fizessem um intercalo entre as conduções corretamente de maneira a não precisar andar mega lotado essas situações nao aconteceriam, especialmente no horário de pico.

    • Porra nenhuma!! Deve ter sido um pivete que adora viajar pendurado na porta, achando que é super-homem. Pego BRT todo dia, saindo de Magalhães Bastos 05:20 da manhã até o Parque Olímpico, na volta faço o mesmo trajeto, e digo que é pior ainda. Toda vez o motorista para quando tem alguma porta aberta, e o mesmo só dá a partida quando TODAS as portas estão fechadas. Concordo que os ônibus do BRT não estão lá essas coisas já faz tempo, mas não é só culpa deles.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui