Hacking.Rio inscrições prorrogadas. Imagem: Divulgação.

A 4ª edição do Hacking.Rio, maior maratona de programação da América Latina, tem novas datas. A atividade vai ser realizada, de forma online, entre os dias 26 e 28/11. As inscrições, abertas desde 05/08, foram prorrogadas para mentores até o dia 30/09 e até o dia 19/10 para os hackathoners.

A competição, de 42 horas, entre os “hackers do bem” reunirá as melhores equipes, mentores especialistas e instituições de ensino de todo o Brasil e países de língua portuguesa, que disputarão a premiação de até R$ 150 mil. Os participantes terão de solucionar desafios relacionados aos 17 ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU, e um Desafio da NASA relacionado a crimes cibernéticos. A competição será dividida em 18 clusters temáticos no total. Podem ter transversais de games, IoT, IA, Blockchain, Data, Cybers, etc.

Segundo a organização do Hacking.Rio, foram recebidos muitos pedidos de instituições de ensino para a troca das datas da maratona. A justificativa é que, devido a pandemia, mudaram o calendário de provas das universidades, o que fez coincidir com a data dos hackathons. A troca foi proposta para facilitar a maior participação de todos os estudantes inscritos de universidades, centros técnicos e incubadoras, público relevante do Hacking.Rio. 

O nosso movimento é feito para transformar vidas. Juntamos todo o ecossistema de tecnologia, inovação e educação numa maratona incrível, rica e cheia de aprendizados. Essa construção sempre foi coletiva, de pessoas para pessoas, em todo Brasil, e queremos ver todos juntos novamente, então decidimos transferir a data da maratona para novembro”, explica a CEO e fundadora do Hacking.Rio, Lindalia Junqueira.

A Maratona

As equipes de três a cinco pessoas, que já tenham experiência em outros hackathons e desafios techs também podem se inscrever diretamente para a final do Hacking.Rio 2021. Vão existir duas categorias: juniors e masters. Os masters passam por uma seleção dos 50 melhores hackers para a disputa de maior prêmio e terão uma visibilidade maior durante a maratona.

Não somos um evento, e sim um movimento em prol da educação e empreendedorismo digitais. Nosso propósito de promover vários hackathons simultâneos por todo Brasil durante os três meses de olimpíadas é de incentivar que mais pessoas queiram aprender a programar e mergulhem neste novo mundo digital. Desde 2018, o Hacking.Rio já reuniu mais de 13 mil participantes e abriu muitas oportunidades de crescimento pessoal e profissional. Na pandemia, todos podem participar desta rede de colaboração e fazer a diferença na sua comunidade”, conta a CEO e fundadora, Lindalia Junqueira.

Equipes

Quem ainda não formou um time (neste ano as competições serão apenas por equipes), foi criado um grupo chamado “It’s a Match” , onde os candidatos e candidatas podem se conhecer melhor. 

Premiação

Cada equipe vencedora de uma das 17 categorias do Hacking.Rio terá uma premiação de R$ 5 mil e R$ 30 mil para a equipe vencedora do Desafio da NASA. Depois, as 18 equipes vencedoras disputam a finalíssima do Hacking.Rio e o “vencedor dos vencedores” receberá mais R$ 30 mil.  Também serão premiados com R$ 5 mil o Melhor Mentor, dando destaque a Melhor Instituição de Ensino, totalizando os R$ 150 mil em premiação geral. Além do dinheiro, outros benefícios de parceiros serão oferecidos aos vencedores como: programas de aceleração de startups, bolsas de estudos, produtos exclusivos, viagens ao exterior, etc.

Cursos

Para reforçar o conhecimento de todos participantes das olimpíadas, foi criado o “Teachers Hack House”, com vídeos elaborados pelo Phd. Prof. Vilson Martins Filho e baseados na matriz de competências, que facilitem aos professores a como aplicar essa ferramenta na prática, em suas atividades complementares e disciplinas, mesmo que não sejam da área de tecnologia. Também no HR Academy estão disponibilizados a todos os inscritos cursos gratuitos de programação com parceiros como Le Wagon, Gama Academy, Resilia e Vainaweb

SERVIÇO:

4ª edição do Hacking.Rio
Data: de 26 até 28/11;
Link para inscrições neste link

Datas limite para as inscrições:
30/09 – Mentores
19/10 – Equipes Hackathoners (HR geral) e Desafio Masters Nasa
It’s a Match“, Inscrições neste link.

carioca, estudante de Letras na UFRJ. Nascida numa segunda-feira de carnaval, se apaixonou muito cedo pela arte das Escolas de Samba. Moradora da Taquara, é Zona Oeste desde os onze anos; não dispensa um passeio pelo Centro, uma ida ao Parque de Madureira, uma volta pela Cidade das Artes ou qualquer outro evento que consiga ir. Gosta de teatro e música, às vezes se arrisca nessas áreas. Também é pseudônimo de Bárbara de Carvalho.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui