Jacob
divulgação

Acaba de ser lançada a biografia de Jacob do Bandolim. O livro de 672 páginas conta sobre os intensos 51 anos de vida do artista. Filho de uma ex-prostituta e cafetina judia polonesa, que atuava no boêmio bairro da Lapa, seguiu o caminho da música. Além disso, foi um irrepreensível escrivão criminal e baluarte da MPB.

Muito temperamental acabou morrendo por causa do coração. Era muito sincero e isso acabava lhe dando alguns problemas e alguns inimigos. Era perfeccionista em seus ensaios e nos discos que gravava. Considerado um mulherengo, Jacob foi um talento raro e deixou uma obra singular e irretocável na história do choro.

Tudo isso está na biografia “Jacob do Bandolim – Um coração que chora”, de Gonçalo Junior, pela Editora Noir. Foram três anos de intensa pesquisa e escrita, em que o autor teve acesso a mais 400 horas do arquivo pessoal do artista, milhares de documentos e entrevistas com dezenas de pessoas que o conheceram.

Por fim, deu no Diário do Rio que a antiga casa de Jacob do Bandolim, na Rua Joaqum Silva, 97, na Lapa, Rio de Janeiro, passa por uma grande restauração e vai virar um restaurante com foco nas artes.

O livro está à venda no site da Editora Noir www.editoranoir.com.br.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui