Joaquim Barbosa

No que depender das apostas da colunista Dora Kramer o presidente do STF e relator do processo do Mensalão, Joaquim Barbosa, pode ser candidato ao Senado pelo Rio de Janeiro. Em seu artigo Dora diz que apesar de ter a possibilidade de Joaquim vir candidato a presidente, ou vice, a “melhor porta de entrada na política, na avaliação resultante das consultas feitas pelo ministro, seria uma candidatura ao Senado pelo Rio de Janeiro”.

Se essa teoria virar fato é quase certo que Joaquim se eleja, especialmente tendo como único candidato hoje o futuro ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), que desgastado como está terá uma eleição muito difícil.

O porém de Joaquim seria qual partido ele se filiaria, nenhum da situação o aceitaria candidato, afinal ele foi o maior carrasco dos mensaleiros. Quanto a oposição, ele poderia ser criticado e diriam que sua decisão teve objetivo político (como se Barbosa tivesse decidido sozinho). Quanto ao prazo para se filiar, aos magistrados é permitido se filiar até 6 meses antes do dia da eleição, para os outros 12 meses.

E, o mais importante, você votaria em Joaquim Barbosa para senador?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui