Deputados, juízes e promotores corruptos devem estar roendo as unhas devido a uma nota na Veja desta semana. De acordo com o colunista Mauricio Lima, a delação premiada de Jorge Picciani (MDB) está muito perto de sair, ele que só queria entregar os inimigos, e por isso a delação não andava, resolveu falar tudo para liberar o filho Felipe Picciani, preso há 7 meses. Agora dos amigos ao inimigos, não deve sobrar um.

E se ele realmente entregar vai faltar cela em Bangu, Picciani era um dos políticos mais poderosos do país, dominou a ALERJ por quase 2 décadas, mesmo preso manteve um filho ministro, Leonardo Picciani (MDB), e continua como presidente da Assembleia, licenciado, mas é o 3º na linha de sucessão estadual.

Se a delação sair antes das eleições de outubro, é capaz de muita gente aí ganhar por WO e a certeza de renovação na Câmara e na Assembleia.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui