Por André Delcerda.

Lagoa Rodrigo de Freitas e o Cristo Redentor por Soldon Vou confessar a vocês que é muito bom escrever um post aqui para o Diário do Rio, quando se estar inspirado pela a magia do assunto, em especial do lugar do qual se estar falando.

Foi bem isso que aconteceu nessa amanhã de sábado, quando resolvi ir fazer exercícios na Lagoa Rodrigo de Freitas. Eu sempre vou no meio da tarde, fazer minhas barras, flexões em uns aparelhos na lagoa. Tenho até meu cantinho favorito, próximo a curva do Parque das Catacumbas, junto ao espelho d´água, em meio as árvores e com duas visões espetaculares. Uma o Cristo Redentor sobre o Corcovado em um ângulo em meio ao verde da Montanha, que remonta a uma paisagem campestre, e outra dos Dois Irmãos, junto com a Pedra da Gávea, emoldurada pelos prédios da cidade.

Mas nesse post gostaria de compartilhar com vocês o que presenciei neste sábado. Todos falam que o lazer mais democrático do Rio é a praia, sem sombra de dúvida. Mas gostaria de incluir os parques. Temos a Quinta da Boa Vista que nos finais de semana se enche de milhares de pessoas. Mas escolhi falar da Lagoa Rodrigo de Freitas, que com certeza é um dos mais democráticos, múltiplos e familiares do Rio.

Para se chegar a Lagoa é muito fácil, se você vem do Norte é só atravessar o Rebouças, se vem do Centro pode vir via Botafogo/Humaitá, se vem da Orla, pode entrar via Leblon/Ipanema, se vem da Barra/Zona Oeste é só passar o Zuzú Angel e poucos minutos depois já estará neste Oasis de lazer, saúde e congraçamento dos cariocas.

Lagoa Rodrigo de Freitas por Sergio Luiz O que eu gosto da Lagoa, é que este é um espaço para todos sem distinção, é o espaço da família, dos pais levando os filhos para andar de bike; para passear nos pedalinhos; para soltar pipa; sem falar no primeiro futebol dos moleques. É também o lugar das senhoras e senhores, que vão com seus cuidadores e/ou filhos, passear ao sol, recordar a vida.

Na lagoa você pode praticar esporte, a corrida, já que tem uma extensão de quase 8 quilômetros de pista compartilhada para se correr, andar de bicicleta, e caminhar. A Lagoa é um lugar contemplativo, que nos inspira, que nos faz respirar o ar puro. Com a paisagem que a circunda de um lado o Redentor, do outro a Floresta da Tijuca, e mais ao fundo os Dois Irmãos e a Esfinge da Gávea, é um lugar propicio para a arte a criação, quem sabe uma pintura, uma melodia, ou a historia que estará amanhã nas telas do cinema.

Eu gosto da lagoa, porque esta agrega a todos em volta do lazer, tem gente de todas as partes do Rio, de todas as idades, de todas as tribos, de todas etnias. Eu encontro gente da Zona Norte, pais do Subúrbio quem trazem os filhos para caminhar, o pessoal de Ipanema que aproveita a proximidade de casa e vem sempre se vislumbrar com a magoa do lugar, tem os pescadores que pegam o peixe de cada dia nas águas abençoadas por Oxum.

A Lagoa também é ecologia, ali se pode ver todos os tipos de pássaros, são patos em revoada, as tradicionais garças, o vôo do albatroz, o pelicano que passa com seu almoço no bico e encanta a todos a tirar uma foto rara. A lagoa era também o habitat da famosa capivara que saiu nos jornais. Na lagoa se pode ver os pequenos canários a entoar suas melodias, os caranguejos que vez o outro saem de suas toacsm em meio ao manguezal que renasce no local. Sem nos esquecer os animais domésticos, os cães que ali tem seus parquinhos. Agora a pouco presenciei uma festa de aniversario de cachorro em um dos restaurante a beira do espelho d´água. Sem falar dos gatos de rua, que ali habitam, tem até um bem branco e grande, que se aproxima dos visitantes com a maior desenvoltura.

Lagoa Rodrigo de Freitas por Fabio Goveia A lagoa também é um templo do esporte, além dos já citados acima, não posso me esquecer do remo e canoagem, pois ali, em seu entorno existem três clubes de regata: Flamengo, Vasco e Botafogo. Nos inúmeros campos de futebol sintético ou se terra, vemos as crianças com suas camisas do time do coração jogando uma bola, os porteiros que fazem o seu jogo semanal. Na lagoa também se pode andar de skate, tem até um half; andar de patins, em toda a sua extensão e em especial no parque dos patins; para os amantes dos esportes aquáticos é excelente para a praticar o ski aquático e wake board. Há se você gosta de jogar baseball, a lagoa tem inclusive um campo destinado a este esporte e todos os dias tem uma equipe lá treinando. Nos finais de tarde você também encontra praticantes do artes marciais fazendo exibições.

A lagoa é o espaço da gastronomia, ali você pode degustar um bom drink no final de tarde, comer uma boa massa, jantar ao lado da pessoa que se ama em uma mesa a luz de velas. Tem restaurantes para todos os sabores, estilos e preços. Da comida árabe a italiana, sem falar nos famosos sanduíches cariocas. Mas você também pode degustar a simples, mais poderosa água mineral, vendida nas inúmeras carrocinhas, tomar aquela água de coco enquanto contempla a paisagem.

Lagoa Rodrigo de Freitas por SoldonA lagoa é o lugar dos amores, onde os casais vem namorar sentados nos deck, vendo o lindo por do sol, que em épocas do ano, adormece na montanha, em outras em meio ao Dois Irmãos e a Pedra da Gávea e no verão, em meio aos prédio de Ipanema – Leblon. Imagina quantos namoros não se iniciaram na lagoa, quantas pessoas não se encantaram umas com as outras ali. Vejo também casais com mais de 50 anos, bem velhinhos, e ainda passeando de mãos dadas. Algo muito romântico e que mostra o poder da palavra amor.

A Lagoa é um lugar turístico, pois além da bela paisagem, é uma rara surpresa, a cada curva, uma nova imagem, uma nova foto. Os gringos que o digam se encantam com tudo, com os pássaros, com a gente, a luminosidade, dando um clic na máquina aqui ali. Este dias vi uns californianos, que se encantaram com os grafites nos pilares das passarelas e não paravam de tirar fotos.

Enfim a Lagoa é isso tudo e muito mais, é mais um dos caprichos que Deus presenteou ao Rio, e assim, esta com o seu formato de coração, nos acolhe com muito amor, carinho e felicidade, dia e noite, noite e dia. Lagoa Rodrigo de Freitas neste espelho d´água, com certeza pulsa um dos corações do Rio.

Fotos:
Lagoa Rodrigo de Freitas e o Cristo por Soldon 
Lagoa Rodrigo de Freitas por Sergio Luiz

Lagoa Rodrigo de Freitas por Fabio Goveia
Lagoa Rodrigo de Freitas por Soldon

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui