A Prefeitura do Rio está começando a licitação das linhas de ônibus em nossa cidade. E é extremamente necessária, várias linhas fazem o mesmo intinerário acabando por aumentar a pressão no trânsito carioca. Isso sem contar o domínio de décadas dos empresários de ônibus, o que não é saudável para o município. A licitação vai ajudar eles a se movimentarem e dando uma oxigenação nos transportes.

Meu maior medo é o Judiciário, eles dão liminares demais, de forma que pode acabar prejudicando a licitação e, consequentemente, os cariocas. Mas, pelo menos, alguns vereadores parecem que foram enquadrados e pararam de se movimentar para acabar com a licitação. O momento escolhido pelo prefeito Cesar Maia para lançar este projeto foi excelente, nenhum candidato vai ser maluco de ir contra e correr o risco de perder votos.

Leia sobre a licitação no Ex-Blog do Cesar Maia de hoje:

  1. Serão licitadas uma a uma, 93 linhas de ônibus nesta primeira etapa. Essa etapa alcança praticamente 20% das linhas de ônibus autorizadas. Vencida esta etapa será aberta a segunda etapa que depende do resultado dessa para as sincronizações e integrações multi-vetoriais. Esta, assim como a última etapa, alcançarão 40% das linhas, cada uma.
  2. As linhas em licitação abrangem corredores das Zonas Sul, Norte e Barra/Jacarepaguá.
  3. As licitações prevêem prazo de dez anos, tarifa máxima de R$2,10, vencedor quem oferecer a menor tarifa, ônibus urbano tipo 1, gratuidades atuais incluídas nas tarifas, 10% iniciais da frota movida a biodiesel até 50% no final da concessão, equipamentos para integração, ônibus devem ter GPS e Câmeras, todas as linhas devem ter porcentagem para cadeirantes, freqüência da frota de 30% de madrugada, desconto na tarifa de 30% para integração com ônibus, metrô, barcas e trem.
  4. Clique abaixo e conheça uma a uma as linhas que estão sendo licitadas nesta etapa e os elementos básicos que constituem as obrigações.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui