“Carioca: registros da cultura carioca (1984-2018)” é o livro da fotógrafa Cristina Granato, que em mais de 35 anos de carreira foi testemunha ocular da história cultural e social recente da cidade. O lançamento será no dia 20/12, quinta-feira, às 19h, no Salão Nobre do Parque Lage, Jardim Botânico.

A obra reúne 700 retratos realizados na cidade, com mais de 1.100 personalidades. O livro conta, ainda, com depoimentos comoventes de Fernanda Montenegro, Adriana Calcanhoto, Glória Pires, Christiane Torloni, entre outros.



“Desta vez, eu abri o acervo todo e não quis fazer só de MPB. Quando eu fiz o livro de MPB, fui pesquisar qual era o lugar que eu tinha mais ido, e deu o Canecão. Só que eles não toparam, e a Heloísa Buarque propôs de abrir mais o leque e ser ‘um olhar na Música Popular Brasileira’, em vez de botar só o Canecão. Depois que eu acabei de fazer o primeiro livro, outras pessoas com que eu sempre trabalhei – de cinema, de teatro, de TV, de artes plásticas, de literatura – ficaram chateadas por não estarem lá. Eu falava, ‘espera que vai vir!’. Então esse é um arquivo misturado, um pouco das pessoas que passaram por mim. E nem posso dizer que é tudo, eu fico tensa de não ter conseguido homenagear todo mundo. São tantas pessoas queridas que já estou prometendo um terceiro livro”, conta Cristina Granato.

Sobre o livro:
Patrocínio: Estácio, Cesgranrio, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura
Apoio: Grupo Abolição e Icatu
Apoio adicional: Grupo In Press, Arcofoods, La Fiorentina, Talho Capixaba, Mil Frutas, Monteiro Aranha S.A., Lupa Comunicação, EAV Parque Lage, Penedo Borges, Cerveja Praya, Victoria Rio
Realização: Debê Produções, Ministério da Cultura e Governo Federal.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui