Busto de Dom João VI no Jardim Botânico Os 200 Anos da chegada de Dom João VI às nossas terras é muito mais do que apenas o Príncipe Regente ter posto os pés em solo carioca, ele provocou uma série de ações que em 2008 também completarão 200 anos, como a Abertura dos Portos, por exemplo. Mas não podemos esquecer que partiu de Sua Alteza Real a criação de um grande ponto turístico do Rio de Janeiro, o Jardim Botânico com suas Palmeiras Imperiais.

Esse ano está sendo lançado pela jornalista Rosa Nepomucendo o livro O Jardim de D. João, em que aproveitando o festejo pelos 200 anos do Jardi Botânico faz um livro com histórias, curiosidades… Por exemplo, você sabia que a primeira muda de Palmeira Imperial foi trazida do Caribe e teria sido plantada pelas próprias mãos de Dom João??? Infelizmente ela foi destruída por um raio em 1972. Próximo a onde fica a Palma Mater tem o busto de Dom João VI que ilustra este post (foto do Flickr de LenSOP).

Antes de ser o Jardim Botânico, a área foi engenho de açúcar e fábrica de pólvora.

O Jardim Botânico hoje conta com cerca de 2 000 espécies de plantas e mais de 9 000 exemplares.

O post foi feito com base em matéria de Veja Rio desta semana (estava excelente a revista) acompanhe mais na matéria original.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui