Mãe e 7 filhotes de cachorros são resgatados de maus tratos na Zona Sul do Rio

Os animais estavam muito debilitados e foram levados para a Fazendo Modelo, onde serão tratados e depois colocados para adoção

Subprefeitura da Zona Sul resgata família de cães que estavam sendo mau tratados, na Glória, Zona Sul da Cidade / Divulgação

Após receber denúncias, a Subprefeitura da Zona Sul, resgatou nesta quinta-feira (24), uma família de cachorros no Largo Paula Cândido, em frente a mureta da Glória. Os 8 animais, mãe e mais 7 filhotes, que pertenciam a moradores de rua da região, estavam por eles sendo mau tratados.

Em uma operação de ordenamento urbano anterior realizada na Rua do Catete, as equipes da prefeitura já haviam se deparado com a precária situação dos cachorros e procurado auxílio junto à Secretaria de Proteção e Defesa dos Animais para o recolhimento dos mesmos. Os cães, no entanto, não foram encontrados na ocasião.

Após uma nova denúncia, recebida pelas autoridades na manhã desta quinta-feira, a Secretaria de Proteção e Defesa dos Animais, a Guarda Municipal, a 2º BPM Militar e a Comlurb foram acionados pelo subprefeito, Flávio Valle, para fazer o resgate dos animais que estavam sendo aparentemente comercializados pelos moradores de rua.  

Consternado, o Flávio Valle, subprefeito da Zona Sul, lamentou a situação dos filhotes que se encontravam em estado de desnutrição. Ele lamentou ainda a relação de crueldade que algumas pessoas estabelecem com os animais.  

“É muito triste constatar a crueldade de algumas pessoas com os animais, os filhotinhos estavam bastante debilitados e agora vão receber os cuidados necessários antes de serem liberados para adoção. A subprefeitura está atenta e ao lado da população, para também combater os maus-tratos a animais”.  

Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. Dá uma raiva ver a prefeitura enxugando gelo…. retira cachorros, retira árvores, retira bancos, coloca tapume, espeto de ferro em postes, mas NUNCA, NUNCA resolvem o problema que são os moradores de rua.

    Primeiro é o exculacho do abrigo no antares, não tem sequer um chuveiro, parece até cadeia, tratam eles igual presidiario.

    Segundo é a porcaria da militância nojenta que não deixa prender os marginais infiltrados, estão roubando até os postes colonial da praça paris… mas tadinhos, são vitimas da sociedade….o povo ta de saco cheio desses idiotas.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui