Imagem meramente ilustrativa de céu nublado no Rio de Janeiro - Foto: Cleomir Tavares/Diário do Rio

Em uma escala que vai de “muito satisfeito” a “muito insatisfeito”, passando por, respectivamente, “pouco insatisfeito”,“nem satisfeito nem insatisfeito” e “pouco satisfeito”, a pesquisa sobre carioquices do Instituto Rio21 revelou que a maioria da população não está feliz com a vida no Rio de Janeiro.

Segundo os dados levantados pelo Instituto, 42,1% das pessoas entrevistadas se disseram “pouco satisfeitas” com a vida na cidade do Rio de Janeiro. “Muito satisfeito” tem 14,4 %.

Entre os entrevistados, quase 60% se mudaria do Rio de Janeiro se tivesse condições. Pouco mais de 40% não sairia da cidade, mesmo se pudesse. Moradores das Zonas Oeste e Norte mostram mais interesse em mudar do Rio.

Os moradores da Zona Oeste, onde se encontram alguns dos bairros mais pobres da cidade, são os mais insatisfeitos. Já os mais satisfeitos com o Rio de Janeiro estão na Zona Sul, área onde vivem boa parte das pessoas com maior poder aquisitivo.

Em relação à idade, os dados são bem amplos, abertos a análise. Mas nota-se uma insatisfação maior entre as pessoas mais velhas, acima de 55 anos.

O Instituto Rio21 ouviu mais de 700 pessoas para realizar a pesquisa. As entrevistas foram feitas entre os dias 10 de fevereiro e 8 de março.

2 COMENTÁRIOS

  1. Numa cidade que nunca resolve seus problemas, que todos nós já conhecemos, e ainda com políticos cada vez piores, e agora problema até com a água, realmente fica difícil viver num lugar assim. Sempre digo que título de cidade maravilhosa não me prende aqui, e tenho muita vontade de ir embora. A cidade está empobrecida, o estado está empobrecido de tudo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui