Martha Rocha, deputada estadual - Foto: Thiago Lontra/Alerj

A candidata a prefeita do Rio em 2020, Martha Rocha (PDT), que já foi chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, conta história de atentado que sofreu quando já era deputada estadual.

Comenta que até hoje o crime não foi solucionado, mas que não tem medo de encarar desafios e nada vai a intimidar na missão de resgatar o Rio da mão dos incompetentes e malandros.

Já enfrentei ameaças e até um atentado. Não tenho medo de encarar desafios e nada vai me intimidar na missão de resgatar…

Publicado por Delegada Martha Rocha 12 em Quarta-feira, 7 de outubro de 2020

1 COMENTÁRIO

  1. Lamento pelo atento que ela sofreu! Mas, história de vida não tem nada a ver com capacidade de gestão e administração de um Estado como o nosso! Não vejo preparo e nem ao menos propostas concretas e aplicáveis!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui