Foto: Reprodução/Facebook

Nesta sexta-feira (18/06), morreu Amadeu Amaral, de 70 anos, o Mestre Mug, que foi mestre de bateria da Vila Isabel por 30 anos. Ele estava internado desde o dia 12 de março, no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, para tratar uma hérnia de disco. Porém, ele acabou contraindo várias infecções e não resistiu.

Mestre Mug era presidente de honra da bateria da Unidos de Vila Isabel e foi o comandante da swingueira de Noel, como a bateria da agremiação é chamada, no enredo campeão “Kizomba, a festa da raça”, em 1989.

O sepultamento de Mestre MUG será no sábado (19/06) às 14h, no Cemitério do Catumbi, na Região Central do Rio de Janeiro.

Morre o diretor de Carnaval Laíla

Também nesta sexta-feira (18/06), morreu vítima de Covid-19 Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, popularmente conhecido como Laíla, diretor e um dos maiores carnavalescos da história da folia carioca.

Ele tinha 78 anos e estava internado desde o último final de semana no Hospital Israelita Albert Sabin, no Maracanã, Zona Norte do Rio. Vale ressaltar que Laíla já havia recebido as duas doses da vacina, sendo a segunda há cerca de 1 mês.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui