Militante flagrada destruindo o patrimônio público: a moça é filmada enquanto picha um Ponto de Ônibus.
A moça foi filmada pichando um ponto de ônibus na Avenida Presidente Vargas, durante a passeata anti-governista

Hoje pela manhã, durante o protesto contra o presidente da República Jair Bolsonaro, uma mulher foi flagrada por um passante, que gravou um vídeo dela emporcalhando um ponto de ônibus na avenida Presidente Vargas, junto com um amigo.

A militante, que vestia três adesivos com as palavras de ordem “FORA BOLSONARO”, vestia calça jeans e camisa e boné pretos, além de uma máscara, o que dificulta sua identificação. De pé, pichou o mobiliário urbano com a expressão “BOLSONARO MILICIANO”.

Logo após desvalorizar o ponto e ônibus – um daqueles mais novos, em vidro temperado e ferro, saiu andando com um amigo que a esperava terminar o dano ao patrimônio público.

Confira o vídeo:

Mais cedo, o DIÁRIO mostrou cenas do Palácio Pedro Ernesto, depredado por outro militante que participou da aglomeração política em torno das 13 horas. O vídeo é de autoria de leitor que postou-o em nossa página do Facebook.

Quintino Gomes Freire

Diretor-Executivo do Diário do RIo e defensor do Carioca Way of Life

33 COMENTÁRIOS

  1. Não aprovo pixação, mas estão exagerando quando falam de depredação. Em 2011 a lei 12408/11 descriminalizou o grafite e ficou proibido apenas “Pichar ou por outro meio conspurcar edificação ou monumento urbano“, com detenção e multa ampliados caso se trate de patrimônio histórico tombado.

  2. Aí xerife de que (da milícia), ñ gosto de pichação, aquilo foi rabisco no vidro com tinta lavável, seu otário, ñ foi em monumento, ñ quebrou, ñ rachou…
    Por falar em rachar, me lembrei de RACHADINHA, QUEIROZ e 460.000 VIDAS PERDIDAS, com ausência de vacinas, e disseminação oficial de v?rus, ISSO SIM É VANDALISMO, DEVERIA SER CRIME DE GENOCÍDIO, praticado pelo desgoverno do BOZO CHARLATÃO.

    • É por isso que este discurso perde credibilidade: numa foto flagrante de vandalismo, tenta-se justificar com premissas malucas, como se o vandalismo fosse uma legítima defesa. Por favor, seja menos desonesto em suas afirmações.

      E, ao leitor, preste atenção neste tipo de argumentação acima, porque usam-na como justificativa pra tudo: hoje justificam vandalizar pontos de ônibus, outro dia irão justificar medidas piores como se fossem “legítima defesa”.

    • CALE A BOCA! Leia a besteira que você acabou de escrever é tão absurdo que me da vergonha de você ter o mesmo nome que o meu, seu verme!

  3. Se estou passando eu faço ela limpar na hora na marra, ou tacaria um ovo podre na cabeça. Não tenho pena de vagabundo, nem os que o defendem

  4. Na verdade, isso é uma prática muito comum entre os manifestantes de esquerda. Sou fotojornalista, e tenho imagens realmente criminosas que vão desde colocar fogo, até destruir com picaretas e outras ferramentas o patrimônio público, ou seja, nosso dinheiro. É interessante tocarmos neste assunto, pois chega um momento em que perde-se a legitimidade do protesto e passa a ser um ato de vandalismo, e portanto, criminoso.
    Inclusive, coloco os meus serviços de repórter fotográfico à disposição, imagens falam mais que palavras.

    Att,
    Saulo F. Angelo

    • Na França os protestantes arrancavam os asfaltos, rua a rua, em protestos contra o governo Macron. Nem por isso havia entre a população, e menos ainda dos jornalistas – da qual vinham esses mesmos – qualquer defesa de criminalização, nem repressão violenta da Polícia.
      Já aqui temos fotojornalista (profissional ou amador) quando sente sua liberdade ameaçada esperneia, mas na libertadores individuais ou coletivas dos outros quer criminalizar.

      • Na França, quebravam e saqueavam tudo nas manifestações. E a polícia agia, sim. Incendiaram a Gare de Lyon, quebraram monumentos. Só quem não lê jornais franceses é que diz o contrário.

        • Quem parece precisar ler mais é você. Neize.
          Querida, são muitos, vários protestos na França. Lembro desde 1998. Das várias tentativas de reforma da previdência e administrativa que governos tentaram. Mais recentemente temos a situação já dá forte presença de imigrantes, de passagem, tentando ir para o Reino Unido, quando não tentam a vida na França. Empregos em situação precária. Houve distúrbios e conflitos alguns (apenas) que houve repressão da Polícia. A própria Imprensa e a opinião pública viram excessos policiais em algumas delas e fortemente criticaram.

    • Então, para tudo há uma explicação, uma abordagem, para solução, que não precisa ser a crimializar.
      Uma questão sobre esses que vocês fascistas costumam se referir como infiltrados, que ora colocam recados em alguns vidros. Outrora quebram alguns, ou colocam fogo.
      Teve matéria, salvo engano do El Pais ou da BBC, traçando o perfil dos participantes daqueles grupos chamados black blocs, em episódios de 2013/14 – não sei precisar.
      Jovens. Sem expectativas de futuro. Desiludidos. Que já sofrera algum tipo de violência policial, dentro de comunidade. Veem somente nessas ocasiões uma oportunidade de colocar para fora esse sentimento e devolver a violência.
      Logo, classificar esses como vândalos, se fazer valer do Direito Penal, criminalizar e prender, é mais violência do que uma solução. Ou melhor, é a solução que sempre determinados grupos (burgueses, conservadores, fascistas) defendem pois não querem solução para os problemas que, na verdade, passam pelas desigualdades sociais.

  5. Destruir o que foi construído com o dinheiro do próprio vândalo demonstra a burrice e a ignorância de quem defende o petismo/pesolismo.
    Usando ódio e recalque de quem só sabe viver à custa do governo, não só se destrói a convivência, como se contribui para a desunião do povo.
    Vai ser burro assim na cocheira…

  6. Pichação mesmo seria em monumentos.

    No vidro??? Está superdimensionando…

    Essa sai fácil com um pano embebido numa solução detergente.

    Já a miséria imposta a alguns, a desesperança, os efeitos do modelo de escravidão moderna… Não.

    • Pena que covardes como você nunca se posicionam falando besteiras como essa na vida real, eu mesmo te obrigaria a ir la limpar na marra, toma vergonha na sua cara, vagabundo!

      • Aí xerife de que (da milícia), ñ gosto de pichação, aquilo foi rabisco no vidro com tinta lavável, seu otário, ñ foi em monumento, ñ quebrou, ñ rachou…
        Por falar em rachar, me lembrei de RACHADINHA, QUEIROZ e 460.000 VIDAS PERDIDAS, com ausência de vacinas, e disseminação oficial de v?rus, ISSO SIM É VANDALISMO, DEVERIA SER CRIME DE GENOCÍDIO, praticado pelo desgoverno do BOZO CHARLATÃO.

    • Danico, nem que ela tivesse escrito com tinta guache. Só dela ter feito um dano – e não importa a medida do dano – basta apenas o DOLO de cometer um dano: já é crime de dano/vandalismo. Não justifique o que é errado. A ação é errada, indiscutivelmente e deve ser objeto de desprezo público da pessoa.

  7. Os fascistas, racistas e assemelhados, como ainda conservadores liberais e nos costumes ficam raivosos quando veem alguma intervenção urbana antifascista, antifascista, anticapitalista… gostaria de ver a cara. Casquei…

    • Não dá pra justificar nada de bom na sociedade com vandalismo do equipamento público. As reivindicações devem sempre ser pacíficas. O estranho é que é justamente esse tipo aí da foto que mais diz pros outros “mais amor”. No entanto, basta achar que não está sendo filmada que descamba a marginalidade. A desordem urbana do RJ e do Brasil tem caras.. e uma das caras é da pessoa aí da foto. Sem punição a sociedade não vai entrar nos trilhos.

      • Só Mahatma Gandhi que conseguiu algo com seu pacifismo.
        Isso numa realidade no oriente que não se aplica no ocidente.
        Há muito que movimentos pelo mundo acordaram quanto a isso.
        Nesse sentido, o pacifismo foi sendo colocado de lado por muitos grupos.
        Claro que tem aqueles que falam “sem isso”, “sem aquilo”. Mas o que conseguiram com os “donos” do poder? Quando estes últimos sentem ameaçados é que fazem algo, mas sempre assegurando a manutenção no poder.

  8. HERANÇA MALTIDA DO PT E DA ESQUERDA PARA O BRASIL:
    1- Piores índices de educação, veja o PISA a prova de matemática somos os últimos, em pedagogia somos os últimos. Nossas universidades não tem um prêmio Nobel, Argentina tem 5;
    2- Há 100 milhões de pessoas sem saneamento básico, 35 milhões de pessoas sem água na torneira;
    3- Os indicadores de violência no Brasil são assustadores, em média 50 mil assassinatos por ano.
    4- Poder Judiciário brasileiro é o mais lento, caro e corruPTo do mundo. Em média custa mais de R$ 500/ano para cada brasileiro;
    5- O indicador de letramento cientifico do brasileiro, entender quando lê uma receita médica ou bula de remédio, é baixíssimo;
    6- Construímos uma geração Nem Nem, Nem trabalham, Nem estudam.
    7- Ter um empresa no Brasil é um ato de heroísmo e a legislação trabalhista prejudica muito a geração de empregos, muitos direitos e poucos deveres
    8- Reforma política é urgente, chega de tanto político ruim no pais, Veja a ALERJ no Rio, governadores, olha quem comanda a CPI da Covid, só bandido!
    9- Os governos de esquerda gostam do poder e não de governar. Vejam as taxas de juros nos governos de Sarney, Collor, FHC, Lula, Dilma, Temer… Taxa Selic teve a maior redução da história no Brasil no Governo Bolsonaro que chegou a 2% aa e agora esta em 3,5%aa
    10- O que a esquerda fez para a melhoria da infraestrutura no Brasil, nada, Ah! fez sim, o projeto do trem bala que foi gasto R$ 1 bilhão de reais. Alguém pode me dizer onde fica a estação do trem bala no Brasil?
    11- Corrupção, NUNCA NA HISTÓRIA DA ESQUERDA tivemos tantos escândalos de corrupção…
    12- Um país desigual, vejam as favelas no Brasil. A esquerda gosta de chamar de comunidade. Favela sim, as pessoas merecem morar num lugar com acessibilidade, saneamento, um mínimo de conforto, temos que transformá-las em bairro e NÂO mudar nome.
    13- Pauta cultural: ideologia de gênero, pronome neutro. TUDO sem comprovação científica, outras pautas como REFORMAS do Judiciário, Política, Penal, Prisional, Administrativa… importantes para o país NADA!

    Por fim, chega de falar do político A ou B, pois o Brasil precisa falar de projetos, ideias, somos uma nação formidável, mas estamos atrasados há 30 anos, a grande maioria (98%) não quer saber de ideologia de gênero, e SIM quer andar num ônibus, trem descente e sem ser assaltada, desejam viver suas vidas sem pagar tantos impostos, desejam ter uma saúde que funcione e não que fiquem meses para conseguir fazer um exame no SUS. VAMOS PENSAR NO BRASIL REAL !!!

    • Muito dos números que escreveu é verdade.
      Mas quando houve Governo de Esquerda socialista realmente? PT não é socialista… Prova disso que os bancos e financeiras ganharam muito (e continuam batendo recordes).
      Uma omissão, no entanto, chama a atenção no seu comentário: dos Militares.
      As Forças Armadas do Brasil é a 6ª mais cara do mundo – e o país não está em guerra, nem participa de conflito algum no mundo.
      São remunerações altíssimas pagas e privilégios de todo tipo com dinheiro público para o alto oficialato. Carros oficiais, moradia (ou auxílio), comida internacional com bacalhau da Noruega, frutos do mar, carne de primeira, bebidas alcoólicas, leite condensado… E ainda não pagam Previdência. Não tem idade mínima de aposentadoria. Logo, basta o tempo mínimo de contribuição. Se aposentam cedo… O simbólico percentual de 8% de contribuição é para sustentar as pensões. Ou seja, são dispensados de contribuição para reforma. Tem as vantagens para as filhas solteiras e esposas. Apesar de extinto para as primeiras, as filhas do militar que ingressou na carreira antes da reforma tem direito mesmo que ele morra anos, décadas depois.
      Mas como sempre dependem do apoio dos militares para o golpe, então continuam apoiando essa estrutura de alto custo, batendo a casa de duas centenas de bilhões dos cofres públicos.

    • Venha morar em Jacarepaguá , próximo ao apartamento onde mora o Queiroz e Márcia, amigos do Bozo e do 01, e desfrute das “facilidades” oferecidas pela milícia sempre prestigiada e apoiada por êles, aí vc, q falou muito e ñ falou nada, terá gás, TV a cabo, segurança, imposta pelos milicianos, e saberá exatamente o q é vandalismo.

  9. Vandalismo foi a motociata do bozo, incluindo o próprio, com todos os energúmenos sem máscaras, e inclusive depois aglomerados num palanque. Isso sim é vandalismo!
    #forabolsonaro

  10. E em qual protesto desses partidos políticos vermelhos não tem algum tipo de depredação envolvida? Sempre tem! É da natureza: nem que seja pintura do equipamento público com “palavras de ordem” ou então aqueles adesivos de papel que se esmilinguem mas deixam a cola… Com desordem urbana a sociedade não vai pra frente. Até pra protestar deve haver cidadania: quebrar e danificar as coisas só nos deixam mais pobres.

  11. POR CAUSA, DA FALTA DE VACINA! QUANDO, UMA PARTE MAIOR ESTIVER VACINADA VEREMOS UMA ADESÃO MAIOR!
    SEMPRE FIZEMOS PASSEATAS, E PROTESTOS!
    SOMOS UM PAÍS DEMOCRÁTICO!
    BOLSONERO NÃO SERÁ REELEITO!
    E QUEM APOIA, ESTE PRESIDENTE É SAFADO E DE QUADRILHA IGUALZINHO, À ELE.

  12. Prezado Quintino Gomes Freire.

    O Bolsonaro vai ser reeleito por causa destas passeatas.

    O Bolsonaro não foi eleito por causa da facada.

    O Bolsonaro foi eleito por causa do movimento ELE NÃO.

    Para piorar a situação,mesmo com muitos CLOSES fotográficos,as passeatas foram um fracasso em todo o Brasil.

    Só encheu um pouco na cidade de São Paulo e mesmo assim foi um fracasso.

    • Hahahahah como assim foi eleito por causa do movimento “Ele Não”???

      Não acompanhou nada das pesquisas e ignorou os fatos. Justo esse movimento “Ele Não” foi fazendo diminuir a diferença antes existente.

      A questão mesmo que mais pesou foi o antipetismo da época – que hoje anda enfraquecido com as revelações da Vaza Jato, Moro desmoralizado.

      A Lava Jato, sim, como instrumento, foi essencial… isso reconhecido até no exterior.
      Ficou claro nos vazamentos. Dallagnol comemorando com Moro que veriam o projeto (político?) de mudança na prática. E logo depois Moro é convidado (ou já estava tudo acertado?) para o Governo. Teve pronunciamento (político) de militares fascistas do alto oficialato, para constranger decisões de Tribunal. A facada foi a cereja que precisavam.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui