Foto: Reprodução Instagram Adega do Pimenta

Na manhã desta terça-feira, 21/09, Ademir, um dos garçons mais queridos do bairro de Santa Teresa e do Rio de Janeiro, morreu vítima de uma parada cardíaca enquanto praticava exercícios físicos. Ele trabalhava há quase três décadas na Adega do Pimenta

“Há 29 anos, Ademir faz parte da história do Adega do Pimenta. Ele tornou-se um amigo, aquele que tratava os clientes pelo nome e que tinha um carinho recíproco por nós e por tudo aquilo que a Adega representa”, informa a Adega do Pimenta.

A casa, de luto, não vai funcionar nesta terça, nem nesta quarta-feira. Os trabalhos voltam na próxima quinta-feira, 23/09.

Muitas pessoas lamentaram a morte do garçom. Entre eles, o cartunista e roteirista Arnaldo Branco, que comentou na postagem da Adega no Instagram: “Ele era muito querido! Força pra vcs e pra família”, disse o artista.

“Que perda! Sempre gentil, na pandemia levou coisa para mim no carro, deu orientações. A Adega não será a mesma. Ele e Adriano sempre foram um diferencial no atendimento. Me entristece muito essa notícia”, afirmou outra cliente.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui