Morre no Rio Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras e 1º delator da Operação Lava Jato

Paulo Roberto era engenheiro e tinha 68 anos; ele lutava contra um câncer

Paulo Roberto Costa - Foto: Reprodução/Internet

Faleceu no último sábado (13/08), no Rio de Janeiro, aos 68 anos, o engenheiro Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras e primeiro delator da Operação Lava Jato. Ele lutava contra um câncer.

Paulo Roberto foi preso em março de 2014, logo no início da operação. Após cerca de dois meses na cadeia, acabou aceitando colaborar com as investigações, detalhando como funcionava o esquema.

A partir dos seus depoimentos, a Polícia Federal desvendou como funcionava a distribuição dos recursos oriundos da Petrobras.

Ao todo, o engenheiro foi condenado a mais de 70 anos de prisão, mas respondia ao processo em liberdade devido aos acordos colaborativos firmados judicialmente.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui