Na manhã deste domingo de #Eleições2020, 29/11, Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro acionou a Polícia Federal contra uma paralisação de motoristas de ônibus no Rio. Segundo o tribunal a “paralisação é ilegal e representa grave impedimento e embaraço às eleições”.

O movimento atinge moradores das regiões de Jacarepaguá, Barra da Tijuca e Recreio, na Zona Oeste da cidade.

Desde a madrugada, funcionários das viações Redentor e Futuro decidiram entrar em greve. Os motoristas dizem que as empresas querem dividir o 13º em oito parcelas e não estariam recolhendo o FGTS e o INSS, entre outras reclamações.

Manifesto dos rodoviários

Estamos contra o atual prefeito Marcelo Crivella que em sua gestão quase 200 linhas de ônibus que sumiram na cidade e o transporte alternativo tomou conta da cidade, desempregando milhares de rodoviários!

Eu falo todos os dias aqui, mas tem gente que faz de conta que não entende… Nosso inimigo não é o patrão,nosso inimigo é a INFORMALIDADE!!!

Até o final dos anos 90,quando essa situação de transporte alternativo não estava tão encruado no Rio(e no Brasil),as empresas de ônibus faturavam bem e os rodoviários tinham uma vasta lista de portas abertas…

Cada van, ônibus pirata,UBER ou mototáxi nas ruas é menos um emprego nas garagens… É impossível para o setor formal de transporte sobreviver com a concorrência desleal do transporte alternativo,que não paga impostos,não gera divisas para o Estado,não emprega formalmente e abocanha diariamente o filé.

Observe nas ruas,os ônibus lotados de gratuidades e os passageiros pagantes correndo pra informalidade.

Enquanto a Prefeitura não intervier no setor,mas com disposição pra encarar a máfia,a tendência é que o Rio de Janeiro vire uma imensa Bangladesh,onde não existem mais empresas de transporte oficial.Cada um coloca o veículo que quiser na rua e passa a transportar sem segurança alguma.

Sabemos também que essa situação também é culpa dos empresários de ônibus,que pararam de investir.

3 COMENTÁRIOS

  1. […] Devido à paralização dos rodoviários neste domingo de eleição muitos bairros estão sem ônibus e diversas pessoas não conseguem ir votar. Contudo, de acordo com informações obtidas pelo DIÁRIO DO RIO, em muitos locais que estão com esse problema, vans estão saindo lotadas de Igrejas Universais para levar eleitores do atual prefeito às urnas. […]

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui