Foto: Clarice Lissovsky

O vereador Tarcísio Motta (Psol) vai conceder a Medalha Pedro Ernesto ao Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), em homenagem aos seus 25 anos de luta pela reforma agrária no Estado do Rio de Janeiro nesta quinta-feira (23/09). A dirigente Marina dos Santos representará o Movimento na cerimônia, que acontecerá no Armazém do Campo, no Centro do Rio, e será transmitida ao vivo pelas redes sociais do vereador a partir das 19h.

É a maior homenagem da nossa cidade colocada no peito do mais significativo movimento social da América Latina”, diz o parlamentar.

Em meados dos anos 1990, o MST iniciou ocupações em terras de usinas improdutivas do estado. O marco inicial da estruturação do movimento no Rio Janeiro foi a conquista da fazenda Capelinha, em Conceição de Macabu, desapropriada em 1997.

Divulgação MST


Nesses 25 anos, o MST mobilizou 8 mil famílias na luta pela terra, conquistou 21 assentamentos que somam 25 mil hectares. Essas áreas, que antes eram extensos canaviais, eucaliptais e pastos abandonados, com exploração de trabalhadores em condições análogas à escravidão, hoje são produtoras de alimentos saudáveis.

4 COMENTÁRIOS

  1. Não interessa ao MST se a fazenda ou centro de pesquisa é produtivo ou não. Invadem e destroem tudo que acham pela frente. É um movimento formado para dar sustentação aos partidos de esquerda. Basta olhar no Google e ficar estarrecido com as invasões patrocinadas pelo MST. Quanto ao recebimento da medalha “Pedro Ernesto” pelo MST parece válida, pois ambos sempre defenderam o socialismo/comunismo.

  2. Um dia, Roberto Jefferson recebe esta medalha… No outro, o MST…
    Bom, Pedro Ernesto também era assim… Um dia brigava com Luiz Carlos Prestes, em outro ajudava a eleger Getúlio Vargas… Em outro, pertencia ao partido integralista… E em outro, era perseguido e preso por Filinto Müller, como comunista… Em mais outro, voltava a elogiar Getúlio…
    Pelo menos ele era bem educado e até ponderado… Coisa que está longe deste grupelho revolucionário ignorante…
    Se fosse vivo, garanto que não daria sua medalha nem para Roberto Jefferson, nem para o MST…

  3. É por isso q esse jornaleco não vinga!!
    Vá no dicionário (o pai dos burros),e veja se a palavra terrorista não se enquadra nas ações dessa escumalha!!!
    Assim fica difícil essa porcaria progredir!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui