Muito além de sol mar e praia: os cariocas possuem suas peculiaridades

Muito além de sol mar e praia: os cariocas possuem suas peculiaridades

6 de dezembro de 2018 0 Por Quintino Gomes Freire
Compartilhe

“Cidade maravilha, purgatório da beleza e do caos”. A música “Rio 40 Graus”, de Fernanda Abreu, foi considerada pela revista Veja a composição que mais retratou os cenários do estado do Rio de Janeiro nos últimos dez anos. Beleza e caos define a rotina carioca, uma das cidades mais belas do país.

Há quem tem paixão e há quem abomina, no Rio não tem espaço para meio termo. Assim é a personalidade do carioca, reconhecido em qualquer ambiente, seja ele nacional ou internacional. Calorosos e de fala franca, o carioca tem muita energia para gastar, portanto adora praia, esportes e não abre mão dos dias ensolarados.

No Brasil, o Rio de Janeiro é o estado mais apaixonado por futebol, é referência no mundo pela presença do grandioso estádio Maracanã, o templo do futebol e atração de turistas e seguidores do esporte.

O sonho de todo torcedor carioca fanático é levar a família para assistir a um jogo do seu time do coração no Maracanã, além de ser considerado um dos seus lazeres favoritos.

Reúne os principais times de futebol do Brasil

O Rio de Janeiro tem a cara do Brasil em vários aspectos, não é a toa que o estado desperta o interesse dos turistas de diversas partes do mundo. Se o Brasil é o país do futebol, o Rio de Janeiro é um dos estados no país mais apaixonado pelo esporte, por conta disso, reúne quatro dos principais times nacionais: Flamengo, Fluminense, Vasco e Botafogo.

O Flamengo é o time com mais títulos do Rio. O clube foi campeão em 33 torneios e tem a maior torcida do Brasil (18%). De acordo com a última pesquisa realizada pelo Datafolha existem cerca de 33 milhões de flamenguistas no Brasil, muitos deles nas regiões Norte e Nordeste do país

Atividade esportiva ao ar livre é a preferência dos cariocas

Cariocas adoram praticar atividade física ao ar livre e ser coadjuvantes dos lindos cenários naturais. Pisar na areia é um hábito comum para as pessoas que moram no Rio.

É na beira do mar o espaço de descanso e a preferência por realizar algumas práticas esportivas. Um esporte carioca clássico é o futevôlei, teve origem em Copacabana na década de 60 e hoje é considerado um esporte olímpico. Sua primeira aparição foi recente, nas olimpíadas Rio 2016.

Em Copacabana existe uma das principais escolas de futevôlei, como a do “Léo Tubarão”, apelido do jogador Leonardo Salles conhecido no esporte por suas famosas performances e cortadas com os pés.

O futevôlei é a modalidade queridinha dos cariocas e não é obrigatório saber jogar futebol. O equilíbrio, a capacidade de reflexo e elasticidade, são as características principais para um bom praticante, o que atrai homens e mulheres de várias idades.

O Stand Up Paddle é outro exercício muito praticado no Rio de Janeiro, principalmente na praia da Barra da Tijuca. Ótima opção para fugir dos treinos tradicionais, apostar na atividade que movimenta toda musculatura do corpo e atua na tonificação dos músculos. O Stand Up é uma das práticas na água mais apreciada nos últimos anos. Entre suas vantagens está a facilidade de relaxar e, de quebra, a possibilidade de contemplar a paisagem estonteante da Barra.

Um esporte brasileiríssimo e a cara dos cariocas é o vôlei de praia. Com orla propícia para a prática e treinamento esportivo à beira mar, homens e mulheres, amadores ou profissionais, reúne a galera para jogar e se divertir aos fins de semana.

Para os mais corajosos e que não abrem mão da adrenalina, no Rio, existem muitos espaços para a prática de asa delta. No Morro dos dois Irmãos pessoas voam diariamente e possuem a oportunidade de percorrer e admirar o mar e o contorno das montanhas. Há quem diga que uma das imagens mais bonitas do mundo é vista lá de cima.

Mania carioca

Você sabia que existem alguns comportamentos muito típicos entre os cariocas? O verão é predominante na cidade do Rio, portanto os cariocas bebem muitos líquidos para refrescar e hidratar.

Além da tradicional cerveja gelada – a preferência inquestionável – o mate com limão é outra bebida muito consumida na praia. É muito comum encontrar vendedores de mate entoando suas frases criativas para atrair a freguesia.

Em 2012 o ex-prefeito, Eduardo Paes, informou que os vendedores de mate e limonada em galão seriam reconhecidos como parte do “Patrimônio Cultural e Imaterial da Cidade do Rio de Janeiro”. Na oportunidade, foram distribuídos pela prefeitura aproximadamente 10 mil copos de papel para substituir o uso de plástico nas regiões litorâneas

Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.


Compartilhe