Lin Lima - Foto: Divulgação

Na vanguarda de apoio ao movimento artístico nacional, o Shopping Leblon receberá o artista Lin Lima a partir de terça, 12/01, para a revelação da sua “poesia virtual” no espaço Art Wall. O espaço encontra-se no corredor de entrada especialmente para recepcionar os clientes do shopping e oferecer obras inusitadas, bom gosto e democratização da cultura. O trabalho do artista contemporâneo pode ser visto como um processo crescente e com isso, será construído ao longo de 10 dias. 

Desenvolvido pelo shopping especialmente para receber intervenções artísticas, o Art Wall se renova como uma obra viva a cada novo convidado. Para celebrar a chegada de 2021, o Shopping Leblon destaca o traço ritmado e cheio de vida de Lin Lima.  O artista é o primeiro a integrar o espaço este ano, sendo um dos nomes de destaque da nova geração da arte. Entre janeiro e fevereiro, quem passar pelo shopping será impactado pela obra contemporânea e pelo olhar único do artista.

“Buscamos experiências singulares para nossos visitantes e que ofereçam um novo olhar, sempre fortalecendo o nosso pilar artístico e cultural. O objetivo é que não seja algo apenas para ser visto, mas sentido também, afinal a arte pode nos tocar de formas diferentes e complementares. Pensando nisso, o espaço Art Wall está sempre apresentando novas perspectivas e construções, como a de Lin Lima”, comenta Adriana Freitas, Gerente de Marketing do Shopping Leblon.

Entre o desenho e a pintura encontra-se o trabalho do artista Lin Lima. Formado em Pintura pela Escola de Belas Artes da UFRJ, é na repetição contínua do traço feito à mão, que expressa sua visão. Com profundidade, emocional e poético, o trabalho de Lima conta também com a precisão dos traços e a fluidez das suas linhas. A experiência imagética e sensorial tem a curadoria do Shopping Leblon com a ARTMOTIV.

SERVIÇO:
Espaço Art Wall no Shopping Leblon
Endereço: Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – Leblon, Rio de Janeiro
Horário: de segunda a sábado, das 10h às 22h – domingo, das 13h às 21h

carioca, estudante de Letras na UFRJ. Nascida numa segunda-feira de carnaval, se apaixonou muito cedo pela arte das Escolas de Samba. Moradora da Taquara, é Zona Oeste desde os onze anos; não dispensa um passeio pelo Centro, uma ida ao Parque de Madureira, uma volta pela Cidade das Artes ou qualquer outro evento que consiga ir. Gosta de teatro e música, às vezes se arrisca nessas áreas. Também é pseudônimo de Bárbara de Carvalho.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui