(Foto: Reprodução)

Um espaço dedicado a um dos maiores expoentes culturais do Brasil só poderia mesmo estar localizado no Rio de de Janeiro, mas precisamente no bairro da Mangueira, na Zona Norte do Rio. O Museu do Samba, que integra o Centro Cultural Cartola, tem o objetivo de guardar a memória do samba como patrimônio histórico e preservar as suas matrizes. Além disso, o espaço recebe de exposições itinerantes e permanentes,  abrindo suas portas para oficinas, projetos de cultura do samba para escolas e roda de samba.

A organização cultural sem fins lucrativos foi criada inaugurada em 2001, por netos do sambista Cartola, visando a valorização do samba e da sua gente. O complexo conta com mais de 45 mil itens de acervo, entre pinturas, fotografias, indumentárias, estandartes e livros. Muitos doados pelos próprios bambas ou pelas famílias.

Museu do Samba (Foto: Divulgação)

Um dos destaques do Museu do Samba, que faz a alegria dos turistas e cariocas, é o pacote “Vivência do Samba”, que foi criado para o visitante conhecer a história do samba e também vivenciar seu ritmo, sua gastronomia e interagir com sambistas que brilham nas grandes escolas do carnaval do Rio de Janeiro.

A vivência começa com uma visita, guiada por pesquisadores do Museu, às exposições “Samba, patrimônio cultural do Brasil” e “Simplesmente Cartola”. No workshop “Caindo no Samba”, o visitante aprende os passos do samba e a tocar os principais instrumentos de uma bateria, tendo como instrutores experientes passistas e ritmistas oriundos de escolas tradicionais como Mangueira, Portela e Salgueiro.

Museu do Samba (Foto: Divulgação)

Na etapa final do pacote, é servida uma feijoada preparada por Tia Nelcy, atual presidente da ala das baianas da Mangueira e neta de Dona Neuma, uma das maiores personalidades da história da Verde e Rosa. Imperdível!

Serviço:
Museu do Samba
Endereço: Rua Visconde de Niterói, 1296 – Mangueira
Telefone: (21) 3234-5777


Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui