Nisia Trindade Lima / Foto: Divulgação

Nísia Trindade Lima, atual presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), continuará à frente da instituição por mais três anos. Sua permanência foi assegurada através da assinatura de um decreto presidencial com sua nomeação, publicado nesta segunda – feira (11/01), em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). O novo mandato de Nísia compreende o período de 2021 a 2024.

Nísia é servidora da Fiocruz desde 1987. Doutora em Sociologia, ela foi a primeira mulher eleita presidente na história da Fiocruz. Sob a sua liderança, a Fundação tem desempenhado um papel histórico no combate à pandemia de Covid-19. A instituição está produzindo a vacina contra a doença desenvolvida pela Universidade de Oxford e sob avaliação da Anvisa.

Encontro em Brasília

Na manhã desta segunda-feira (11/01), Nísia Trindade Lima participou de uma reunião com o ministro chefe da Casa Civil, General Braga Netto, em Brasília, para falar do processo de nomeação para presidente da instituição.

Na reunião, Nísia Trindade Lima prestou contas da sua gestão, além de apresentar propostas e perspectivas para o novo mandato, que deve priorizar o sistema de ciência e tecnologia e inovação da Fiocruz e seu papel para o Sistema Único de Saúde (SUS).

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui